Conectado com
OP INSTAGRAM

Rodrigo Capella Opinião

Escolha o melhor insumo para sua propriedade

Primeiro passo é, sem dúvida, fazer uma análise criteriosa do solo, entendendo que cada propriedade tem as suas características distintas

Publicado em

em

Divulgação

Artigo escrito por Rodrigo Capella, diretor geral da Ação Estratégica – Comunicação e Marketing no Agronegócio

Amigos e Amigas,

Recebi, via LinkedIn, uma interessante mensagem. Um produtor rural de Minas Gerais, que tem uma propriedade de café, me perguntou de que forma ele poderia escolher os insumos para a sua propriedade, elevando a produtividade e a rentabilidade.

O primeiro passo é, sem dúvida, fazer uma análise criteriosa do solo, entendendo que cada propriedade tem as suas características distintas, ou seja, as ações feitas pelo seu vizinho talvez não sejam eficazes na sua propriedade.

Também é preciso estar atento às análises anteriores. Utilize esse conteúdo como um comparativo e não para fazer as correções. É importante realizar novas análises de solo com periodicidade para promover uma nutrição adequada do ecossistema.

Além deste cenário, outros pontos precisam ser observados na hora de se escolher os insumos agrícolas. São eles:

A) Flexibilidade

Observe a flexibilidade de pagamento e as opções disponíveis. Converse bastante e chegue a um ponto em comum com o seu fornecedor.

B) Prazo

Atente-se ao prazo de entrega. Isso é importantíssimo. Negocie se for preciso e faça muitas contas.

C) Reputação

Faça uma análise sobre a reputação do fornecedor. Converse com amigos e não se esqueça de realizar uma pesquisa na Internet.

D) Qualidade

Verifique a qualidade do produto. Solicite análises e estudos para atestar cada uma das características.

E) Transparência

Acompanhe as ações de comunicação e de marketing do fornecedor. Quais valores são transmitidos? As iniciativas são transparentes?

Fonte: Assessoria
Continue Lendo
Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

treze + 5 =

Rodrigo Capella Opinião

O que esperar do agro em 2021?

A resposta para esta questão é ampla e é bem provável que precisaria ocupar diversas e diversas páginas

Publicado em

em

Divulgação

Artigo escrito por Rodrigo Capella, diretor geral da Ação Estratégica – Comunicação e Marketing no Agronegócio

Durante conversas com empresas do agro, cooperativas e produtores rurais, tenho ouvido, com frequência, uma pergunta: Capella, o que esperar do agro em 2021?

A resposta para esta questão é ampla e é bem provável que precisaria ocupar diversas e diversas páginas. Mas, vamos tentar resumi-la em alguns pontos principais.

Confira a seguir:

A) Sustentabilidade

Os produtores rurais estão cada vez mais preocupados com questões ambientais. A natural conexão com a terra, o rigoroso Código Florestal e o CAR são os pilares deste sólido envolvimento. Outra questão importante é a demanda crescente do varejo por produtos fabricados com total sustentabilidade, impulsionada por exigências dos consumidores finais.

B) Tecnologia

O agro será ainda mais tecnológico em 2021. A sucessão familiar pulsante, os resultados digitais extremamente comprovados e o fortalecimento de startups e hubs de inovação sustentam essa expectativa.

C) Saúde pública

A constante preocupação dos consumidores finais com a origem dos alimentos e o fortalecimento do bem-estar animal estão em plena evidência. Este contexto reforçará a atenção dos produtores rurais para pontos relacionados à saúde pública.

D) Marketing

As empresas de agronegócio, os produtores rurais e as cooperativas aumentarão os investimentos em ações de marketing no ano de 2021. Ganharão relevância a exposição em mídias altamente qualificadas, as ações interativas em eventos e as conexões digitais.

Fonte: Assessoria
Continue Lendo

Rodrigo Capella Opinião

Você já fez um planejamento eficaz para 2021?

Confiram a seguir 05 dicas que irão ajudar no desenvolvimento

Publicado em

em

Divulgação

Artigo escrito por Rodrigo Capella, diretor geral da Ação Estratégica – Comunicação e Marketing no Agronegócio

Amigos e Amigas, já estamos quase em 2021.

É, este ano, com suas particularidades e características específicas, passou muito rápido.

Já precisamos ter as nossas ações bem planejadas para 2021, não é mesmo?

Então, eu pergunto: vocês já fizeram um planejamento eficaz para 2021?

Ainda não? Então, confiram a seguir 05 dicas que irão ajudar no desenvolvimento.

São elas:

Dica 01: observar

Analise os pontos que merecem atenção, mas que você ainda não tem certeza de que precisam ser alterados.

Evite precipitação, mas observe atentamente e diariamente.

Quando um sinal mais claro aparecer, tome uma atitude certeira.

Dica 02: desenvolva

Pense em novas estratégias impactantes de comunicação e de marketing.

Desenvolva-as, respondendo:

Como impactar o seu público ideal? Como aumentar o seu market share?

Como ser ainda mais efetivo em suas vendas?

Dica 03: elimine

Interrompa as ações que não estiverem contribuindo para o crescimento ou desenvolvimento da empresa.

Analise com cautela antes de tomar estas decisões.

Uma vez interrompidas, estas ações dificilmente serão executadas novamente.

Dica 04: aumente

Intensifique as ações que contribuíram diretamente para um maior impacto.

O impacto está associado a branding, vendas, market share, presença, entre outros pontos importantes.

Verifique as métricas e avalie os próximos passos com estratégia.

Dica 05: diminua

Reduza o ritmo das ações que precisam de avaliação mais criteriosa.

Reflita e verifique como estará a empresa, em médio e longo prazo, sem tais iniciativas.

Pondere. Analise. Tome uma decisão considerando vários pontos.

Fonte: Assessoria
Continue Lendo

Rodrigo Capella Opinião

Como evitar erros de comunicação no agro

Ações de marketing precisam ser consistentes e sólidas, e isso demanda tempo

Publicado em

em

Divulgação

Artigo escrito por Rodrigo Capella, diretor geral da Ação Estratégica – Comunicação e Marketing no Agronegócio

Você está segurando algumas flechas e tem um grande alvo na sua frente, o maior alvo que você já viu. O seu objetivo é fazer uma grande jogada, acertando, se possível, todas as flechas no centro, local que irá garantir uma maior pontuação, certo? Errado.

As ações de marketing precisam ser consistentes e sólidas, e isso demanda tempo. Se você optar por ter alta performance logo de início, irá perder uma etapa importante: a do aprendizado.

O aprendizado é um ingrediente fundamental para o sucesso das ações de comunicação, e também de marketing, no nosso agronegócio. Essa é uma dica muito importante.

Dentro deste cenário, outro ponto a ser considerado são os erros de comunicação.

Mas, afinal como evitá-los? Confira a seguir algumas dicas:

1) Foque em análises viáveis

O público que a ação de comunicação atingiu, até o momento, é qualificado? Por que? Potenciais clientes já entraram em contato com você? Você conseguiu reforçar alguns diferenciais da marca e também dos serviços da sua empresa? De que forma? Responda estas questões, com calma e de forma ampla. Reúna-se com sua equipe e compile uma grande quantidade de informações para fazer uma análise coerente e viável, fundamental para se corrigir rotas.

2) Não abandone o barco com impulso

Evite precipitação. Cancelar uma ação no meio do percurso pode causar mais prejuízos do que terminar a ação dentro do prazo previsto. Pense nisso e perceba em qual etapa da ação você está e quais resultados foram obtidos. Potencialize esses ganhos nas próximas fases.

3) Faça relatórios periódicos

Registre o andamento dos projetos de comunicação em um documento, de preferência a cada três meses, período interessante para se ter uma análise mais real dos processos e procedimentos. Este tipo de registro será fundamental para a constante e saudável comparação, evitando desvios desnecessários de caminhos.

Fonte: Assessoria
Continue Lendo
Biochem site – lateral

NEWSLETTER

Assine nossa newsletter e recebas as principais notícias em seu email.