Conectado com
VOZ DO COOP

Empresas

Utilização de aditivo natural mitigou quase 1 milhão de toneladas de CO2 equivalente

Dados do Inventário de Pegada de Carbono da Premix reforçam eficiência do aditivo Fator P na dieta de bovinos nos últimos 12 anos

Publicado em

em

Foto e texto: Assessoria

Cumprindo seu propósito com a questão da sustentabilidade, um de seus pilares de marca, a Premix apresenta mais uma edição de seu Inventário de Pegada de Carbono, documento que avalia os impactos positivos do aditivo Fator P na redução das emissões de carbono na dieta de bovinos, com início em 2012.

Segundo o estudo, a suplementação de 2,51 milhões de bovinos ao longo de 12 anos resultou na mitigação de 945.087 toneladas de CO2 equivalente, com destaque para 2022/2023, que registrou um aumento de 14.481 toneladas, representando um incremento de 13,4% para o período, sendo o segundo maior desde a mensuração dos dados.

Essa significativa redução só foi possível graças à eficiência do Fator P, o aditivo zootécnico 100% natural da Premix, desenvolvido para ser a opção para produção suste­ntável na pecuária.

Além disso, o documento revela que durante os doze anos de avaliação o Fator P teve um potencial de recuperação de 69,5 mil hectares de terras degradadas, o que equivale a 115,9 milhões de árvores que deixaram de ser cortadas.

Esses cálculos foram realizados a partir de estudos da ESALQ (Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz) e outras duas entidades, que indicam que cada árvore da Mata Atlântica consegue absorver 163,14 kg de gás carbônico (CO2) equivalente ao longo de seus primeiros 20 anos de vida.

O aditivo Fator P, agora em sua terceira geração, foi lançado no mercado no ano 2000 e sua eficiência na redução das emissões de gases de efeito estufa dos bovinos está cientificamente comprovada por diversos estudos, realizados em parceria com renomadas universidades e órgãos públicos do Brasil.

O estudo considerou os bovinos suplementados a pasto, que é o sistema que mais emite gases na pecuária, levando em conta o desempenho adicional dos animais com o uso do aditivo: o resultado foi a redução de até 18% na emissão desses gases.

A utilização do aditivo favorece o aumento de até 20% no ganho de peso dos animais, fornecendo até 15,2% a mais de energia através da produção de ácidos graxos de cadeia curta pela fermentação ruminal, o que impacta diretamente nos resultados das taxas de produtividade e desfrute do rebanho. Além disso, o produto reduz em até 30% a população dos microrganismos pela produção de metano entérico oriundo da fermentação ruminal e contribui para a sustentabilidade do manejo.

Segundo o diretor de PD&I, Lauriston Bertelli Fernandes, o compromisso da Premix é oferecer soluções inovadoras e sustentáveis para a pecuária. “O Inventário de Pegada de Carbono é uma ferramenta importante que nos permite mensurar anualmente os resultados positivos alcançados com o uso do nosso aditivo Fator P na redução das emissões de carbono”, afirma.

Com seu contínuo investimento em pesquisa e desenvolvimento, a Premix busca constantemente aprimorar suas soluções nutricionais, visando reduzir ainda mais o impacto ambiental da pecuária. “Através desse inventário anual, a empresa contribui para um futuro mais sustentável, ao mesmo tempo em que auxilia os pecuaristas a alcançarem melhores resultados no desempenho e na rentabilidade de suas atividades”, finaliza Bertelli.

 

Fonte: Assessoria

Empresas

Vaccinar lança probiótico Simbio+ para saúde intestinal de aves e suínos

Publicado em

em

Tiago Birro, Gerente Nacional de Aditivos da Vaccinar. - Divulgação Vaccinar

A Vaccinar Nutrição Animal anunciou o lançamento do Simbio+, a mais nova adição à sua linha Bio+. Desenvolvido a partir de um blend de probióticos Bacillus Subtilis e Bacillus Licheniformis, o Simbio+ é uma alternativa inovadora para melhorar a saúde intestinal, o desempenho e o bem-estar de aves e suínos.

Os probióticos Bacillus Subtilis e Bacillus Licheniformis foram selecionados devido à sua comprovada eficácia em promover a saúde intestinal e o equilíbrio da microbiota no trato gastrointestinal de aves e suínos. Estes microrganismos atuam de forma sinérgica para melhorar a digestão e absorção de nutrientes, fortalecer o sistema imunológico e auxiliar na prevenção de doenças gastrointestinais.

O desenvolvimento do Simbio+ responde à crescente demanda por alternativas aos antibióticos promotores de crescimento na produção animal, em meio às preocupações com a segurança alimentar e a saúde pública. Reconhecendo a eficácia dos probióticos, o departamento técnico da Vaccinar realizou um estudo abrangente para identificar as cepas mais adequadas e a concentração ideal para maximizar os benefícios do produto.

“Este lançamento amplia nosso portfólio de aditivos e impulsiona nossa capacidade de oferecer soluções avançadas, destacando nossa dedicação em fornecer alternativas eficazes e inovadoras. Além disso, reflete nosso compromisso com o mercado de aditivos, como uma empresa que está na vanguarda da tecnologia e da excelência em nutrição animal. Esta expansão no portfólio também nos coloca no caminho para desenvolver programas 100% livres de AGP Vaccinar, atendendo às demandas crescentes por práticas sustentáveis e de bem-estar animal”, afirma Tiago Birro, Gerente Nacional de Aditivos da Vaccinar.

Diferenciais
A formulação do Simbio+ se destaca pelo blend especialmente desenvolvido com alta concentração de microrganismos benéficos. As cepas Bacillus Subtilis e Bacillus Licheniformis foram escolhidas por sua eficácia comprovada em promover a saúde intestinal e o desempenho animal. Além disso, o Simbio+ resiste às variações de pH do trato gastrointestinal e ao processo de peletização, garantindo que os microrganismos permaneçam ativos e viáveis.

Com a utilização do Simbio+, espera-se melhor digestão e absorção de nutrientes, redução do estresse intestinal, fortalecimento do sistema imunológico, aumento do desempenho e produtividade dos animais.

“Este lançamento é mais uma oportunidade para reforçarmos a confiança dos clientes em nossos produtos e serviços. Oferece aos clientes a possibilidade de adotar práticas de produção mais responsáveis e alinhadas com as demandas dos consumidores por alimentos produzidos de forma mais sustentável”, avalia Birro.

Benefícios do Simbio+
O Simbio+ promove a saúde intestinal de aves e suínos, oferecendo várias vantagens adicionais:

– Melhora na digestão e absorção de nutrientes: O Simbio+ equilibra a microbiota intestinal, promovendo uma digestão mais eficiente e uma absorção mais completa dos nutrientes, melhorando o desempenho animal.
– Desempenho aprimorado: Com melhor absorção de nutrientes e saúde intestinal, os animais apresentam maior ganho de peso e eficiência na conversão alimentar.
– Fortalecimento da imunidade: A saúde intestinal está ligada ao sistema imunológico dos animais. O Simbio+ ajuda a fortalecer as defesas naturais, tornando os animais mais resistentes a doenças.
– Bem-estar animal: Reduz o estresse intestinal e o desafio microbiológico, garantindo o bem-estar de aves e suínos.

Fonte: Ass. de Imprensa
Continue Lendo

Empresas

Rodrigo Lima assume como Especialista Global em Nutrição na Topigs Norsvin

Com a nova contratação, a Topigs Norsvin reforça seu compromisso com a excelência e inovação no setor suinícola, buscando entregar o máximo valor aos seus clientes e parceiros

Publicado em

em

Rodrigo Lima assume como Especialista Global em Nutrição na Topigs Norsvin

Especialista em nutrição animal, Rodrigo Lima é o novo contratado da Topigs Norsvin, empresa especializada em genética suína, onde assume o cargo de Especialista Global em Nutrição. Com uma sólida formação acadêmica e vasta experiência no setor, Rodrigo está pronto para enfrentar os desafios dessa nova posição, se reportando diretamente ao Diretor Técnico, Marcos Lopes.

Formado em Zootecnia pela Universidade Federal de Lavras (UFLA), Rodrigo também concluiu mestrado na mesma instituição, focando em crescimento e terminação de suínos, com especialização em aditivos de saúde intestinal e ractopamina, além de um doutorado em nutrição de precisão de fêmeas suínas, finalizado no início de 2024.

Na Cargill, o zootecnista trabalhou focado com contas no Brasil, lidando com os desafios do setor suinícola nacional, especialmente no contexto de crise econômica e altos custos de produção. Agora, na Topigs Norsvin, tem a missão de alinhar a nutrição com o potencial genético dos produtos da empresa. “A genética nos dá o potencial, e a nutrição, junto com outros manejos, dita quanto desse potencial podemos alcançar”, explica Rodrigo.

O especialista acredita que a sinergia entre genética e nutrição é essencial para maximizar os resultados. “Hoje, nosso desafio é alinhar toda a nutrição ao potencial do material que temos no mercado, que já é consolidado, mas podemos melhorar ainda mais os resultados”, afirma.

A importância da nutrição

Um dos principais diferenciais do Brasil no mercado internacional, segundo o especialista, é a capacidade de enfrentar grandes desafios econômicos e de custos, especialmente na suinocultura. Ele destaca que a nutrição representa cerca de 70% do custo de produção de suínos, o que torna o trabalho no Brasil ainda mais desafiador e importante para a rentabilidade dos produtores.

Com sua expertise, Rodrigo espera contribuir significativamente para a Topigs Norsvin, especialmente na área de nutrição de precisão, que estuda e identifica a quantidade exata de nutrientes para cada fase e categoria de animal. “A Topigs Norsvin é uma empresa aberta à inovação e tecnologia, e eu espero trazer cada vez mais conhecimento para alinhar a parte genética, reprodução e nutrição, visando sempre os melhores resultados possíveis”, conclui.

Fonte: Ass. de Imprensa
Continue Lendo

Empresas

Composto orgânico contribui para a melhoria da saúde intestinal de aves de postura

Publicado em

em

Divulgação Auster - Shutterstock

Em 2023, a produção de ovos no Brasil atingiu o patamar de ¹52 bilhões de unidades, ficando entre os maiores produtores mundiais. “Para manter esse elevado nível de produtividade, as aves de postura têm de estar com ótima saúde, e isso inclui a saúde intestinal. O nível de eficiência do intestino para captar nutrientes contribui decisivamente para o resultado da atividade”, explica Ariane Rodrigues Nogueira, zootecnista da Auster Nutrição Animal.

Ariane detalha que “para alcançar índices produtivos satisfatórios, é essencial uma microbiota equilibrada, para atuar eficientemente no sistema imunológico, associado a uma integridade intestinal adequada, proporcionando boa área de absorção”.

A saúde do epitélio intestinal é crucial para otimizar a absorção dos nutrientes. “O processo de absorção depende de mecanismos de transporte que ocorrem na membrana das células epiteliais da mucosa, localizadas nas vilosidades que revestem a parede intestinal. A relação vilo/cripta é um indicador importante da saúde intestinal, pois uma alta relação sugere que o epitélio está saudável, com grande área de absorção e baixa renovação celular, o que implica em menor gasto energético”, diz a zootecnista.

A digestão das aves é beneficiada pela adição de butirato de sódio à dieta, pois reduz o pH gástrico, levando a um aumento na retenção do alimento no trato digestivo e ativação do pepsinogênio, melhorando a digestão de proteínas. “O butirato de sódio inibe a formação de complexos de cálcio-fitato, aumentando os níveis séricos de cálcio, fósforo e magnésio no organismo, resultando em otimização do desempenho das aves, melhoria evidente em sua resposta imune e na qualidade dos ovos produzidos”, completa a zootecnista.

Devido aos inúmeros benefícios do butirato de sódio para manter a saúde intestinal das aves, a Auster Nutrição Animal desenvolveu o Novyrate C – aditivo composto por butirato de sódio revestido por ácidos graxos de cadeia média e curta, que são liberados de forma duradoura no intestino. A solução atua de forma importante no controle da carga microbiana e resulta em maior digestão de proteínas e aminoácidos.

O butirato tem importante função de equilíbrio da comunidade microbiana, o que fortalece a linha de defesa do hospedeiro contra micro-organismos nocivos, reduzindo a competição por nutrientes, a passagem de alimentos e o processo de descamação das células do intestino”, completa Ariane. Aves de postura suplementadas com butirato de sódio, como Novyrate C, otimizam a produtividade, lucratividade e rentabilidade do avicultor, pois têm a saúde intestinal fortalecida e convertem os nutrientes alimentares de forma eficiente.

Fonte: Ass. de Imprensa
Continue Lendo
SIAVS 2024 E

NEWSLETTER

Assine nossa newsletter e recebas as principais notícias em seu email.