Conectado com

Empresas

Guabi destaca linhas de produtos Aqua GEN na FENACAM’19

Evento acontece entre os dias 12 e 15 de novembro, no Centro de Convenções de Natal

Publicado em

em

Arquivo/OP Rural

Há 45 anos no mercado, a Guabi Nutrição Animal destaca na XVI FENACAM (Feira Nacional do Camarão) os programas de Nutrição para peixes e camarões baseados em genética, ambiente/manejo, nutrição, gestão, infraestrutura e biossegurança, ferramentas para começar agora o futuro do seu aquanegócio.  O evento acontece entre os dias 12 e 15 de novembro, no Centro de Convenções de Natal, localizado na avenida Senador Dinarte Mariz, s/n – Via Costeira em Ponta Negra.

Estes produtos fazem parte da evolução do projeto “Aqua do Futuro”, lançado em 2016 e composto por ferramentas, transferência de conhecimento, parcerias e nutrição. O objetivo é estreitar ainda mais o relacionamento com os criadores e colaborar cada vez mais no planejamento do futuro, que começa hoje.

Para João Manoel Cordeiro Alves, gerente de Produtos para Aquacultura da Guabi, as rações modernas deixaram de ser apenas fornecedores de nutrientes. São veículos para aditivos tecnológicos que melhoram a digestibilidade, aglutinam bactérias patogênicas, protegem as rações da oxidação e do ataque de fungos que adoram o ambiente úmido e quente das fazendas, enfim, são vários os objetivos dos produtos Aqua Gen, além de nutrir cientificamente. Com maior digestibilidade, nucleotídeos, ácidos graxos essenciais, adsorventes de micotoxinas, tudo para fortalecer o sistema imunológico, favorecendo o crescimento e recuperação de tecidos e ação anti-inflamatória. “O resultado é o menor impacto ambiental, peixes e camarões mais nutritivos e com melhor qualidade de filé através de rações equilibradas e dimensionadas para cada fase, sistema de cultivo ou desafio”, afirma João Manoel.

Todas as rações para o segmento de aquacultura da Guabi são extrusadas, ou seja, são produzidas sob alta pressão, temperatura e umidade por poucos segundos, melhorando o cozimento, a estabilidade na água, aumentando a energia e destruindo micro-organismos patógenos. São mais de 60 produtos, incluindo rações específicas para tilápias, peixes de água doce e salgada, além de camarões marinhos.

“O Aqua do Futuro é um guarda-chuva onde tentamos proteger todos os investimentos de nossos parceiros criadores. Dispomos de uma equipe treinada, conhecemos muita gente e nosso objetivo é ajudar a resolver qualquer necessidade. É a isso que damos o nome de parcerias. Precisamos de clientes bem-sucedidos, que tenham objetivos ambiciosos e que estejam atingindo seus objetivos. Essa parceria é fundamental para o aumento da produtividade que a produção de peixe e de camarão necessita no Brasil”, ressalta João Manoel.

GuabiTech Aqua Peixes e Guabi Tech Camarões

Todas as rações para aquacultura da Guabi são extrusadas, processo que cozinha melhor os ingredientes, aumenta a digestibilidade e possibilita usar mais gorduras, fonte essencial de energia para os organismos aquáticos. As linhas GuabiTech Camarões e GuabiTech Peixes têm opções de tamanho e atendimento de exigências nutricionais para todas as fases e sistemas de cultivos, desde pós-larvas até a despesca, rações de 0,4 mm até 14 mm, flutuantes para peixes de água doce (carnívoros ou onívoros), rações de 1,7 mm até 14 mm que afundam devagar para peixes carnívoros marinhos e de 0,4 mm até 2,4 mm que afundam totalmente para camarões.

Linhas Pirá Evolution e Poti Evolution

A linha Poti Evolution indicada para camarões há algumas versões: Poti Evolution 30 (camarões com peso médio superior a três gramas, cultivados em sistemas intensivos de engorda. Indicada para cultivos de até 20 camarões por m²) e Poti Evolution 35 (camarões com peso superior a três gramas, cultivados em sistemas intensivos de produção. A linha Pira Evolution é uma ração extrusada de diversos tamanhos.

As rações Pira Evolution Alevino e Pira Evolution Juvenil são formuladas com alto teor de proteína e de gordura, vitamina C polifosfatada e elaborada para ter uma relação adequada entre proteína e energia. Esses alimentos de balanceamento nutricional específico devem proporcionar alta digestibilidade e palatabilidade, crescimento rápido, animais uniformes e maiores chances de sobrevivência para os peixes desde o início de suas vidas. A nutrição balanceada, na quantidade correta, garantirá peixes mais saudáveis, oferecendo segurança contra microrganismos nocivos.

Fonte: Assessoria
Continue Lendo
Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

6 − quatro =

Empresas

STIHL lança motosserra a bateria mais potente do seu portfólio

Aliando potência e tecnologia, a nova MSA 220 C-B apresenta acréscimo de até 20% na performance de corte quando comparada ao modelo MSA 200 C.

Publicado em

em

Com o planejamento de incluir no mercado mundial mais de 190 produtos a bateria até 2026, a STIHL inicia esse ano com novidade no portfólio. A líder no mercado brasileiro de ferramentas motorizadas portáteis lançou em janeiro a MSA 220 C-B, a motosserra a bateria com maior potência entre os demais modelos da marca com essa tecnologia. A nova ferramenta foi desenvolvida especialmente para utilização profissional, com alta performance de corte por carga de bateria.

O equipamento apresenta importantes diferenciais que oferecem aos usuários grande poder de corte aliado ao conforto e eficácia de manuseio. Dentre esses está evitar interrupções durante o trabalho por falta de potência. Isso porque sua bateria também é uma novidade: a AP 300 S possui maior potência e maior capacidade de armazenamento de energia comparada com AP 300. Assim, o usuário garante maior rendimento de trabalho durante as suas atividades. Aliado a isso, o conjunto de corte apresenta corrente com dentes de perfil quadrado 3/8’ PS3 – que proporcionam até 30% mais cortes por carga de bateria, comparada com a corrente de perfil redondo –, sabre de 35cm Rollomatic E e velocidade da corrente de 24m/s.

Além disso, a ferramenta possui proteção da mão com freio de corrente, tensionamento rápido de corrente (sem necessidade de ferramentas), gatilho de aceleração variável com interruptor de segurança lateral, cabo ergonômico, marca direcional de queda para derrubadas e fácil abertura da tampa do tanque (sem necessidade de ferramentas). A nova motosserra a bateria MSA 220 C-B garante, ainda, a possibilidade de utilização em ambientes de alta umidade ou mesmo na chuva.

 

Lançamento facilita atividades em diversos segmentos profissionais

Para os profissionais do mercado de construção civil, a MSA 220 C-B auxilia no melhor desempenho nas atividades de dimensionamento e construção com madeiras. Na agropecuária, o equipamento se caracteriza pela praticidade, robustez e desempenho diferenciado para satisfazer as necessidades do setor rural nas fazendas e sítios. Já na jardinagem profissional, o lançamento agiliza em diversas atividades de manutenção pública e de patrimônio, em serviços de paisagismo e no manejo de jardins em geral.

Continue Lendo

Empresas Avicultura

Como proteger sua granja contra a Salmonella

Imunização por meio de vacinas vivas têm se mostrado alternativa economicamente viável e efetiva de controle da doença

Publicado em

em

Foto: O Presente Rural

Apontada como um dos principais problemas em granjas e, consequentemente, de perdas econômicas, a Salmonella desperta atenção por conta de riscos relacionados à saúde pública. Provocada por uma bactéria entérica muito adaptada às aves, a doença preocupa tanto pela ameaça de transmissão vertical quanto pela contaminação dos ovos para consumo. “Por isso, seu controle é de extrema importância”, diz o médico-veterinário Matheus Resende, Gerente de produto da linha Aves da Zoetis.

“A vacinação contra esta bactéria vem ganhando cada vez mais adeptos com cepas que promovem a proteção cruzada. Além de atuarem na redução da contaminação de carcaças no abatedouro, se mostram uma alternativa economicamente viável, principalmente para empresas exportadoras de carne de frango”, completa o médico-veterinário Eduardo Muniz, Gerente de Serviços Técnicos da Zoetis.

“As vacinas vivas bacterianas contra a Salmonella, além de protegerem contra o patógeno, representam uma alternativa aos antimicrobianos e ativam a imunidade inespecífica e adquirida”, diz Muniz.

 

Poulvac ST

Vacina viva que atua no combate à Salmonella Typhimurium e à Salmonella Heidelberg para frangos de corte e matrizes, Poulvac ST é recomendada também para poedeiras comerciais.
Aplicada em duas doses, a primeira ainda no incubatório por spray, nos primeiros dias de vida, e a segunda administrada no 14° dia de vida da ave por meio de água de bebida, promove a imunidade celular e estimula produção de IgA (imunoglobina A) no trato digestivo. “A proteção contra infecção por Salmonella garantida desta forma é de grande importância, principalmente a frangos de corte”, finaliza Muniz.

Fonte: Assessoria da Zoetis
Continue Lendo

Empresas NNATRIVM

NNATRIVM entrega certificado e o 1° Ciclo de Avaliação de Enterobactérias, que visa o controle da salmonela

O certificando reconhece a produção de pintinhos no incubatório com melhor qualidade, uma garantia que os mesmos cheguem ao campo livre de patógenos.

Publicado em

em

O diretor de sanidade Stefano Miglioranza e o diretor técnico Wagner da Silva da NNATRIVM, fizeram a entrega para o gerente do Incubatório da Dip Frangos, Nivaldo Schreiber.

Com sede em Santa Cruz de Monte Castelo no Paraná, a empresa NNATRIVM, de aditivos, está realizando a entrega de certificados para as empresas parcerias que se destacam pelos excelentes resultados na avaliação de Enterobactérias.

Desta forma, a NNATRIVM entregou para Nivaldo Schreiber, com 33 anos de experiência na área de incubatório, e hoje gerente do Incubatório da Dip Frangos, o certificado “1°Ciclo de Avaliação de Enterobactérias”, pelos excelentes resultados obtidos nas avaliações realizadas no setor.

O certificando reconhece a produção de pintinhos no incubatório com melhor qualidade, uma garantia que os mesmos cheguem ao campo livre de patógenos.

Para a empresa NNATRIVM o melhor programa não é feito apenas pela adição de um produto e sim por uma avaliação em todo o ciclo da empresa, baixando possíveis contaminantes em todas as etapas de produção, obtendo assim um produto de qualidade e livre de patógenos.

A NNATRIVM certifica as principais etapas da produção, através de um programa de avaliações de enterobactérias, com foco em salmonela, garantindo assim o melhor controle de todos os patógenos, que possam vir a causar problemas aos animais ou as pessoas.

 

Fonte: Ass. de Imprensa
Continue Lendo
Biochem site – lateral

NEWSLETTER

Assine nossa newsletter e recebas as principais notícias em seu email.