Conectado com

Empresas

Sicredi celebra Dia Internacional das Cooperativas de Crédito

No mês do Dia Internacional das Cooperativas de Crédito, em fase de transformação digital, instituição financeira cooperativa comemora conquistas e resultados positivos do 1º semestre de 2018

Publicado em

em

Na terceira quinta-feira de todo o mês de outubro é celebrado o Dia Internacional das Cooperativas de Crédito. Comemorado neste ano em 18 de outubro, a data tem por objetivo destacar a contribuição das cooperativas de crédito em todo o mundo para tornar realidade os sonhos pessoais e profissionais dos seus associados, além de valorizar propósitos que fazem parte da essência do cooperativismo. Dentro desse contexto, o Sicredi – instituição financeira cooperativa que tem suas raízes ligadas ao surgimento do cooperativismo de crédito no Brasil – tem contribuído, há mais de 115 anos, para o crescimento sólido e sustentável do segmento. Atualmente, o Sicredi conta com mais de 3,8 milhões de associados em 22 estados brasileiros e no Distrito Federal.

Para marcar a data em 2018, o Conselho Mundial das Cooperativas de Crédito (World Council of Credit Unions – Woccu, na sigla em inglês) anunciou o tema “Encontre prosperidade em uma cooperativa de crédito”. A ideia é provocar a reflexão sobre uma jornada próspera, cheia de vida, paz, saúde, tranquilidade e riqueza. É também um momento, no caso das cooperativas de crédito brasileiras, de celebrar o crescimento do segmento, que tem como motor o poder da cooperação para a realização de sonhos, necessidades e propósitos dos associados, que – literalmente – são donos do negócio, uma vez que participam dos rumos das cooperativas e têm direito à distribuição igualitária dos resultados.

 

Cooperativismo de crédito no mundo e Brasil

A abrangência internacional das cooperativas de crédito é evidenciada pelo Woccu. Em 2016, a entidade internacional representativa registrou 235 milhões de associados, 68 mil cooperativas de crédito, localizadas em 109 países de seis continentes. A taxa de penetração do segmento – que é calculada dividindo o número total de membros de cooperativas de crédito pela população em idade economicamente ativa – é de 74,47% na Irlanda, 52,61% nos Estados Unidos, 46,71% no Canadá, 17,65% na Austrália e 3,42% no Brasil.

Embora pequena, quando comparada a países da Europa e aos Estados Unidos, por exemplo, a participação das cooperativas de crédito no Sistema Financeiro Nacional (SFN) tem registrado um constante incremento. Segundo o Panorama do Sistema Nacional de Crédito Cooperativo 2017, divulgado pelo Banco Central do Brasil (BC), o segmento passa por um processo contínuo de consolidação. Em dezembro de 2017, o estudo aponta um total de 9,6 milhões de associados no Brasil, crescimento de 8% em relação a dezembro de 2016, e a existência de 967 cooperativas de crédito singulares distribuídas pelo País, que contam hoje com quase 5 mil agências.

O documento do BC também aponta que o percentual de participação das cooperativas de crédito aumentou dentro do SFN. Em 2017, os ativos totais das cooperativas de crédito chegaram a R$ 178,50 bilhões, correspondendo a 2,15% nos ativos totais do Sistema Financeiro Nacional (eram 1,87% no panorama de 2016). O Patrimônio de Referência das cooperativas de crédito totalizou R$ 38,20 bilhões, representando 4,24% em relação ao Patrimônio do SFN. Já a carteira de crédito classificada das cooperativas de crédito alcançou R$ 95,90 bilhões, representando 2,81% na carteira de crédito classificada do SFN, enquanto que os depósitos totais das cooperativas de crédito chegaram a R$ 105,60 bilhões, 4,5% nos depósitos do SFN.

 

Resultados semestrais do Sicredi

De acordo com as Demonstrações Financeiras Combinadas do Sicredi no primeiro semestre de 2018, o resultado líquido da instituição financeira cooperativa no período cresceu 11% e seu patrimônio líquido registrou aumento de 17,1%, quando comparado ao primeiro semestre de 2017, totalizando, respectivamente, R$ 1,36 bilhão e R$ 13,8 bilhões. Já os ativos atingiram R$ 87,8 bilhões, crescimento de 20,6% no comparativo com o primeiro semestre de 2017.

Na captação, o Sicredi obteve um crescimento de 20,8% em depósitos totais na comparação com o mesmo período do ano passado, alcançando R$ 57,2 bilhões. No mesmo período, a poupança – um dos focos da instituição financeira cooperativa, tendo em vista que incrementa e auxilia a fomentar o crédito rural – teve um aumento de 49,9%, atingindo R$ 11,6 bilhões. Já a carteira de crédito totalizou R$ 45,7 bilhões, um incremento de 23,5% em relação ao mesmo período de 2017. A carteira de crédito rural fechou em R$ 17,5 bilhões no primeiro semestre de 2018, com crescimento de 14% em comparação ao mesmo período de 2017.

Mesmo com a ampliação da carteira de crédito, o índice de inadimplência do Sicredi manteve-se decrescente, com 1,51% (no primeiro semestre de 2017 era 2,04%). Vale ressaltar que, por conhecer melhor o associado e manter com ele uma relação na qual o associado é o dono do negócio, as cooperativas de crédito apresentam um menor índice de inadimplência, o que permite oferecer taxas melhores e condições para empréstimos, contribuindo decisivamente para o desenvolvimento regional.

O Sicredi conta, atualmente, com 116 cooperativas de crédito filiadas, presentes em 1.238 cidades, sendo que em 199 delas é a única instituição financeira presente.

 

O futuro é agora: transformação digital!

Neste momento de prosperidade, é importante também ressaltar a estratégia que o Sicredi coloca em prática voltada para sua transformação digital. A instituição financeira cooperativa está dando passos importantes nesse sentido para ser cada vez mais conectada com os associados de todos os perfis e regiões.

O projeto de transformação digital, que vai além de questões tecnológicas e passa também por mudanças culturais, vai trazer ainda mais benefícios aos associados ao tornar suas experiências de interação com o Sicredi ainda mais próximas e personalizadas, seja qual for o canal de relacionamento escolhido.

A bandeira do cooperativismo tem forte influência nessa jornada de transformação. Além das melhorias que estão sendo implementadas no âmbito organizacional, também nos produtos oferecidos, com sua participação mais ativa no ambiente digital, o Sicredi apresenta o cooperativismo de crédito a novos públicos. Como parte desse processo, a instituição financeira cooperativa lançou recentemente o Woop Sicredi, conta 100% digital desenvolvida para ser uma solução complementar, voltada para o autosserviço e baseada no novo core bancário (sistemas que processam os produtos e serviços), além do alinhamento com os rumos do negócio.

Com uma linguagem simples e descomplicada, o aplicativo visa atender pessoas conectadas, jovens de espírito, por meio da oferta de serviços financeiros digitais na plataforma. Nele, é possível associar-se e criar uma conta digital, sem papel; ter acesso à conta corrente com pagamentos de contas de consumo e transferências; poupança; limites e créditos; cartão 100% digital; autenticação digital; programa de fidelidade e organizador financeiro.

 

Outras conquistas: expansão nacional

Paralelo ao processo de transformação digital, o Sicredi também segue investindo na abertura de novas agências em âmbito nacional estando, assim, alinhada ao conceito de presença nacional com atuação regional, valorizando a proximidade com os associados e com as comunidades.

De junho de 2017 a junho de 2018, o Sicredi registrou um aumento em seu número de agências, passando de 1.534 a 1.611 agências em todo o Brasil. Este ano, foram inauguradas 71, entre elas, as agências no Distrito Federal e em Minas Gerais, marcando a entrada do Sicredi nessas duas unidades federativas.

Fonte: Ass. de Imprensa

Continue Lendo
Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

quatro + 18 =

Empresas

Biomin Days leva novos clientes à matriz, na Áustria, para conhecer seu Centro de Pesquisas e discutir sobre  importância da saúde intestinal para o bom desempenho das proteínas animais

“Por que a saúde intestinal é o melhor promotor de crescimento?”. Este é o tema central do evento técnico Biomin Days, que a Biomin realizou nos dias 3 a 5 de julho, em sua sede global, na Áustria.

Publicado em

em

O evento reuniu 140 profissionais de 17 nacionalidades, todos tomadores de decisão, distribuidores e responsáveis técnicos de toda América Latina e Ásia.

“Hoje a  América Latina   é a nossa segunda região em faturamento. Com o Biomin Days conseguimos expandir conhecimento e aproveitar a excelente oportunidade para apresentar a especialistas e nossos parceiros a estrutura de pesquisas, desenvolvimento e inovação da empresa na Áustria, além de discutir temas relevantes sobre o posicionamento da Biomin frente aos novos desafios da produção de proteínas animais”, explica Luciano Sá, diretor técnico Latam da Biomin.

A programação do Biomin Days é voltada para a inovação na indústria de proteínas animais, as soluções sustentáveis criadas pela empresa para atender às novas demandas da atividade, incluindo os desafios encontrados no campo.

“A Biomin tem uma história vitoriosa de mais de 30 anos de investimentos em soluções naturais, sustentáveis e com resultado econômico positivo para a produção animal. Essa atuação inclui inovação para o gerenciamento de risco de micotoxinas, desempenho intestinal e redução do uso de antibióticos promotores de crescimento, desafios cada vez mais prementes para a cadeia de aves, suínos e demais atividades”, ressalta Luciano Sá.

Fonte: Ass. de Imprensa
Continue Lendo

Empresas Evento

Queima do Frango da Cobb-Vantress será no dia 20 de julho

Evento faz parte da programação do Rodeo Country Bulls, que ocorre em São José do Rio Preto

Publicado em

em

Divulgação

A Cobb-Vantress, Inc., uma das principais fornecedoras de matrizes de frangos de corte e serviços técnicos para o setor avícola, prepara para o próximo dia 20 de julho uma nova edição da tradicional Queima do Frango. O evento, que oferece diferentes tipos de cortes de frango aos participantes, ocorre durante a programação do Rodeo Country Bulls, em São José do Rio Preto (SP).

O cardápio desta edição contará com cerca de 200 kg de frango preparados de diversas formas, como assado no varal em fogo de chão com legumes e abacaxi, coxa defumada na lenha frutífera ao molho barbecue caseiro, filé de coxa grelhado e tulipas fritas ao alho.

As preparações ficarão sob responsabilidade do cozinheiro e personal chef Arthur Martinelli. “Um  dos pratos que vamos apresentar ao público se chama ‘chicken lollipops’, um preparo típico americano. Nele, as coxas do frango são limpas na parte do osso, envolvidas em um tempero a base de açúcar mascavo, páprica e especiarias. As coxas são defumadas por quatro horas em lenha frutífera e, ao final, passadas em um molho barbecue caseiro para servir”, comentou.

A Queima do Frango reúne, todos os anos, mais de 700 pessoas, entre clientes, colaboradores, parceiros e população de Rio Preto. O objetivo da festa é, segundo o Diretor-associado de Marketing para América do Sul, Cassiano Bevilaqua, fomentar o consumo da carne de frango na região e apresentar a diversidade de produtos e formas de preparo do frango.

Fonte: Assessoria
Continue Lendo

Empresas Pecuária

Nutrição e sanidade são alguns dos fatores que interferem nos resultados de IATF

Assunto será um dos temas abordados em evento para pecuaristas em São José do Rio Preto (SP)

Publicado em

em

Arquivo/OP Rural

Como melhorar a eficiência reprodutiva do rebanho? Essa será uma das respostas que os produtores de São José do Rio Preto (SP) e região poderão encontrar durante o 5º Encontro de Pecuaristas. O evento, promovido pela Biogénesis Bagó, uma das empresas de saúde animal líderes no mercado latino-americano, será na quinta-feira, dia 25 de julho, às 18 horas, no Caboclão – Recinto de Exposições (Rua Daniel Antonio Freitas, 115, Distrito Industrial).

A programação contará com a palestra “Intensificação da reprodução de bovinos: ajustes em protocolos para aprimorar a eficiência reprodutiva em programas de IATF”, que será ministrada pela consultora da linha reprodutiva da Biogénesis Bagó, Roberta Machado Ferreira Saran, que também é médica-veterinária, especialista em reprodução animal com mestrado, doutorado e pós-doutorado na área.  

“Além de um bom protocolo, os produtores precisam estar atentos aos fatores que podem influenciar de forma negativa nos resultados de IATF. E são esses itens que vamos abordar durante o Encontro. Para um bom desempenho é preciso observar a condição nutricional do rebanho, bem como a sanidade, além de avaliar o escore corporal ou ainda fazer os ajustes necessários das doses no caso de protocolo de novilhas”, explica Saran.

O 5º Encontro de Pecuaristas também traz as palestras “Estratégias nutricionais para o rebanho de cria” e “Gestão da reprodução eficiente” e uma mesa redonda para debater dúvidas e questionamentos dos produtores.

Além da Biogénesis Bagó, o evento é promovido pela Alta Genetics e DSM, em parceria com a Rio Alta Produtos Agropecuários. Mais informações: (17) 99154-4330.

Fonte: Assessoria
Continue Lendo
Evonik Aminonir
Biochem site – lateral
AB VISTA Quadrado
TOPIGS – BRASIL PORK EVENT 2019

NEWSLETTER

Assine nossa newsletter e recebas as principais notícias em seu email.