Conectado com
VOZ DO COOP

Notícias Grupo de Trabalho da Agricultura

Brasil lidera discussões sobre agricultura sustentável no G20

Compreensão compartilhada no G20 destaca a importância da cooperação internacional na produção de alimentos e combate à fome.

Publicado em

em

Foto: Wenderson Araujo/CNA/Trilux

A cooperação internacional no setor da Agricultura tem capacidade de promover não apenas a segurança alimentar, mas de impulsionar a produtividade agrícola e mitigar os impactos das mudanças climáticas. Nesse cenário, o Grupo de Trabalho da Agricultura, que faz parte da Trilha de Sherpas, cumpre um importante papel nas discussões sobre práticas sustentáveis de produção e temas relacionados às políticas públicas para o setor.

A atuação do Grupo de Trabalho da Agricultura do G20, sob a presidência brasileira, será focada na sustentabilidade dos sistemas agroalimentares e na expansão das relações comerciais internacionais como instrumentos-chave para combater a fome e garantir a segurança alimentar.

Representantes do Ministério da Agricultura e Pecuária (Mapa) em eventos e discussões internacionais participaram de painéis sobre as temáticas que serão debatidas durante os trabalhos da presidência brasileira do G20 durante o 5º Encontro dos Adidos Agrícolas Brasileiros, realizado em novembro. A relevância do tema da produção de alimentos e combate à fome foi enfatizada na abertura da reunião conjunta das Trilhas de Sherpas e Finanças, quando o presidente Luiz Inácio Lula da Silva convocou os países membros a considerarem o combate à fome e o desenvolvimento sustentável como prioridades.

A mensagem brasileira destaca uma preocupação crucial que demanda ações coordenadas, considerando os números da pobreza que equivalem a cerca de 10% da população mundial, conforme dados da Organização das Nações Unidas (ONU). Este desafio persiste devido à pandemia global e às guerras, comprometendo a meta de erradicar a fome e a pobreza extrema até 2030.

Experiência brasileira

Para reverter esse quadro, o governo brasileiro vem adotando medidas de incentivo à produção e ao desenvolvimento agrícola, como o Plano Safra — programa de crédito que tem como finalidade fomentar a produção rural brasileira. Os recursos são destinados para investimento ou para custeio, industrialização e comercialização dos produtos agropecuários. No Brasil, esta é a principal política com o objetivo de fornecer créditos e incentivos para o setor agrícola e pecuário. Em 2023, um montante de R$ 364,2 bilhões foi alocado em crédito rural para a agricultura empresarial, destacando-se um impacto orçamentário de R$ 5,1 bilhões destinados à subvenção do crédito.

A priorização renovada da agricultura familiar, com um investimento de R$ 71,6 bilhões para a safra 2023/2024, representa um aumento significativo de 34% em relação à safra anterior, marcando o maior volume da série histórica. Essas experiências ainda incluem a retomada do Programa de Aquisição de Alimentos (PAA) — programa executado pela Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), que promove o abastecimento alimentar por meio de compras governamentais de alimentos produzidos por agricultores familiares.

A fome é um dos problemas mais graves do planeta. No contexto do G20, a compreensão compartilhada de que produzir alimentos e ajudar a combater as desigualdades é essencial para garantir um desenvolvimento sustentável e inclusivo.

O GT de Agricultura é liderado pelos ministérios da Agricultura e Pecuária (Mapa), Desenvolvimento Agrário e Agricultura Familiar (MDA), Pesca e Aquicultura (MPA), Relações Exteriores (MRE) e Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa).

Fonte: Assessoria Mapa

Notícias Dia do Churrasco

ABPA inicia campanha por mais carnes de aves e de suínos na grelha

Em parceria com a Asgav e o SIPS, entidade realizou uma ação durante a ExpoChurrasco, em que foram servidos mais de 200 quilos de cortes assados, incluindo pratos especiais preparados pelo chef Marcelo Bortolon. A iniciativa continuará com a divulgação de vídeos nas redes sociais da ABPA, destacando a variedade e o potencial dessas carnes para grelha.

Publicado em

em

Foto: Shutterstock

Às vésperas do Dia Nacional do Churrasco, comemorado em 24 de abril, a ABPA deu início a uma mobilização para estimular a adoção de mais cortes de carne de frango e de carne suína no cardápio das confraternizações que envolvam preparos na churrasqueira.

No último fim de semana, a ABPA promoveu, em parceria com a Associação Gaúcha de Avicultura (Asgav) e o Sindicato das Indústrias de Produtos Suínos do Rio Grande do Sul (SIPS) uma grande ação em meio à ExpoChurrasco, em Porto Alegre (RS).

Foram mais de 200 quilos de cortes de aves e de suínos assados e servidos ao longo das seis horas de evento, incluindo o preparo de pratos especiais sob a batuta do chef Marcelo Bortolon – um verdadeiro convite à degustação de cortes diferenciados para a grelha.

E a promoção dos cortes para churrasco não terminou no evento gaúcho. A partir das imagens capturadas na ação, uma série de vídeos ilustrativos e informativos sobre cortes diferenciados para o churrasco será difundida nas redes sociais institucionais e de consumo da ABPA.  O primeiro deles chegou às redes da ABPA hoje, e pode ser conferido no link https://www.instagram.com/reel/C6Hdy_wxgw-/?igsh=MWg1aDQwbTh4Z3E5dw%3D%3D.

“Queremos despertar a criatividade do público para mais cortes de carnes suínas e de aves nos churrascos. Além da praticidade e do sabor que casam muito bem com as grelhas, são produtos acessíveis e que tem todo o potencial para ganhar ainda mais protagonismo. Vamos focar nossa campanha nessas características, que são diferenciais nestas proteínas”, ressalta o presidente da ABPA, Ricardo Santin.

Fonte: Assessoria ABPA
Continue Lendo

Notícias

Quarenta empresas de nutrição animal participam do SIAVS 2024

Maior feira dos setores no Brasil reunirá diversas soluções para a cadeia produtiva

Publicado em

em

Foto O Presente Rural

Cerca de quarenta empresas fornecedoras em diversos segmentos da área de nutrição animal já confirmaram participação na exposição do Salão Internacional de Proteína Animal (SIAVS), maior evento dos setores no Brasil, que acontecerá entre os dias 06 e 08 de agosto, no Distrito Anhembi, em São Paulo (SP).

De acordo com a Associação Brasileira de Proteína Animal (ABPA) – entidade organizadora do evento – empresas com variados perfis estarão no espaço de exposição do evento, de empresas brasileiras a grandes multinacionais, com focos variados dentro da nutrição animal.

As empresas se somam às outras centenas de marcas presentes no SIAVS, de agroindústrias produtoras e exportadoras de carne de frango, carne suína, carne bovina, ovos e peixes de cultivo, além de fornecedores de equipamentos, genética, insumos farmacêuticos e outros elos da cadeia produtiva que estarão nos mais de 22 mil metros quadrados destinados apenas à área de exposição.

“Temos presença massiva de segmentos inteiros dentro da exposição do SIAVS, que cresceu já 50% em relação à edição passada. Esta forte expansão é um marco importante do que se espera para a edição deste ano, com novos recordes registrados”, avalia o diretor da feira do SIAVS, José Perboyre.


Informações sobre expositores, credenciamento e detalhes da programação estão disponíveis no site do evento.

Fonte: ABPA
Continue Lendo

Notícias

Porto de Paranaguá bate recorde de movimentação em 24 horas: 146 mil toneladas

Foram mais de 146 mil toneladas movimentadas no corredor de exportação em três navios com destino à China e Espanha. O número representa um aumento de 5% em relação à marca anterior, registrada entre os dias 29 e 30 de agosto de 2019 (138.988,98 toneladas).

Publicado em

em

Foto: Claudio Neves/Portos do Paraná

Mais de 146 mil toneladas de soja foram movimentadas no Corredor de Exportação Leste do Porto de Paranaguá entre os dias 20 e 21 de abril, o que significa um recorde operacional em 24 horas (entre todos os produtos). O número também representa um aumento de 5% em relação à marca anterior, registrada entre os dias 29 e 30 de agosto de 2019 (138.988,98 toneladas).

“Três berços movimentaram mais de 146 mil toneladas de grãos e farelos de soja com destino à China e Espanha. A movimentação com excelência na operação de três navios permitiu mais um recorde histórico para a Portos do Paraná”, disse o diretor-presidente da Portos do Paraná, Luiz Fernando Garcia. “Estes números são resultados dos investimentos em gestão portuária dos portos paranaenses”. Três embarcações receberam o produto: Nikolas D, Guo Yuan 32 e Guo Yuan 82.

Ele cita como fatores responsáveis pelo recorde a manutenção de equipamentos e estratégias logísticas para melhor aproveitamento dos berços e das equipes da operação, além da demanda mundial pela commodity. “A movimentação total também trouxe resultados importantes para as empresas envolvidas. Oito terminais embarcaram mais de mil toneladas/hora por equipamento. É um número impressionante alcançado devido às manutenções anuais e à inteligência logística portuária”, enfatizou Garcia.

Este trabalho de planejamento operacional e de engenharia rendeu aos portos paranaenses quatro prêmios de gestão portuária pelo governo federal. Atualmente os portos paranaenses são reconhecidos pela melhor administração do Brasil. Os portos de Paranaguá e Antonina alcançaram a nota máxima no Índice de Gestão das Autoridades Portuárias (IGAP) na principal categoria entre os portos públicos brasileiros.

Recordes

Além dos números expressivos em movimentação diária, os portos de Paranaguá e Antonina registraram oito recordes seguidos de produtividade mensal, desde agosto de 2023. O mais recente foi em março deste ano, com 5.968.934 toneladas movimentadas, 11% a mais que em 2023 (5.357.799 toneladas).

Além dos oito meses de recordes seguidos, os números gerais revelam um crescimento significativo em 2024. No primeiro trimestre houve aumento de 16% em comparação ao ano passado. Foram mais de 16 milhões de toneladas movimentadas só este ano. Na exportação, os destaques vão para as commodities de soja e açúcar, já na importação o fertilizante é o produto mais movimentado.

Fonte: AEN-PR
Continue Lendo
SIAVS 2024 E

NEWSLETTER

Assine nossa newsletter e recebas as principais notícias em seu email.