Conectado com
VOZ DO COOP

Notícias

Academia do Fomento: uma plataforma de formação e conexão de extensionistas e profissionais da indústria de aves e suínos

Lançada a primeira plataforma para profissionais do fomento da indústria de aves e suínos do continente. Um programa de formação e qualificação voltado para quem trabalha diretamente com empresas, cooperativas e criadores

Publicado em

em

Foto: Divulgação

A Academia do Fomento está empenhada em abordar três pilares essenciais durante seus eventos: métodos e técnicas de extensão rural, aprendizagem e comunicação assertiva. Reconhecemos a importância crítica desses elementos para capacitar adequadamente os profissionais de extensão rural. Por isso, estamos dedicados a integrar esses tópicos fundamentais, que são vitais para aprimorar a atuação do extensionista no campo.

A Academia do Fomento tem como principal objetivo capacitar e aprimorar as habilidades dos profissionais envolvidos na extensão rural, com foco na Indústria de Aves e Suínos. O propósito central é proporcionar um entendimento mais profundo do contexto dos produtores rurais, abordando suas necessidades e os desafios diários, enquanto desenvolve técnicas eficazes de comunicação para estabelecer uma interação colaborativa entre extensionistas e produtores. E mais: a academia visa promover o fortalecimento dos setores de aves e suínos, incentivando a adoção de práticas sustentáveis e contribuindo para o aumento da produtividade de maneira responsável e equilibrada com os recursos naturais.

A Academia vai tratar de temas essenciais, como métodos de extensão rural, inteligência emocional, comunicação verbal e não verbal, técnicas de persuasão e processos de aprendizagem do adulto, habilidades que são fundamentais para o sucesso na prática da extensão e no contato entre todos os atores da cadeia produtiva da proteína mais comercializada no planeta.

“A comunicação é a melhor ferramenta do extensionista. Afinal, a extensão é a conexão”, ensina a médica veterinária Gabriela Bittencourt, que tem ampla experiência em avicultura, com atuação em reprodução, incubatório e corte, além de especialista em Sanidade Avícola e mestre em Sanidade e Produção Animal.

Essa questão do relacionamento humano como ponto de partida para resultados expressivos em atividades empresariais, tal como a indústria das carnes, vai receber um tratamento especial na Academia. “Para praticar o processo de resolução de conflitos, devemos abandonar completamente o objetivo de levar as pessoas a fazerem aquilo que nós queremos”, já afirmava o psicólogo Marshall Rosenberg, autor do livro ‘Comunicação não violenta’, que realizava workshops para ensinar como um conflito pode ser resolvido rapidamente e sem conflitos, utilizando os métodos de terapia de Carl Rogers, com quem trabalhou. O desafio é preocupação cotidiana de quem tem a tarefa de incentivar o aumento da qualidade e produtividade das granjas e das indústrias. “Extensionistas excelentes buscam conectar-se e conhecer genuinamente seus produtores granjeiros, funcionários para o ponto exato de partida onde estão e quais necessidades almejam suprir e alcançar”, receita a Engenheira Agrônoma da KCS Agro, Kali Simioni.

Outro nome de peso da extensão reforça a necessidade de uma nova postura profissional para a Suinocultura e Avicultura avançar em na Proteína Animal 2030. “Extensionista bom é o que vira”, fala curto e grosso Naldo Dalmazo, mais de 40 anos de experiência no mercado, com foco no Gerenciamento de Processos e Formação de Equipes, atendendo empresas do porte de JBS, BRF, BANVIT (Turquia), além de grandes cooperativas exportadoras no Brasil.

“O aprendizado ativo envolve conversar, debater, praticar, ensinar os outros. Apresentando metodologias e técnicas de extensão para melhorar o relacionamento da agroindústria e cooperativas com os seus integrados”, reforça Naldo, que foi gerente de plantas Industriais onde ‘pôs a mão na massa’ e entregou resultados com os métodos que ensina hoje.

“A extensão rural é uma escola infinita, que precisa ser estudada e lapidada por todos que estão ligados diretamente a isso”, resumiu Gustavo Bernart, Supervisor de Fomento suínos na Coopavel.

“A Academia do Fomento será composta por encontro presencial anual para conexão e valorização dos profissionais do fomento, treinamentos presenciais e on-line, treinamentos in company e muito mais” adianta Flavia Roppa responsável pelo lançamento da plataforma.

Vai ser uma Academia de compreensão, expressão, aceitação, clareza, cooperação, atenção, escuta ativa, empatia. “No complexo trabalho de extensão, o profissional precisa deixar o interlocutor confortável porque, assim, ele vai demonstrar interesse nos novos conhecimentos. Na essência, a Academia do Fomento será um dia 100% focado no desenvolvimento profissional e pessoal do profissional, transformando-o em um trabalhador de resultados para as granjas, agropecuárias e indústrias de aves e suínos”, justifica Alexandre Lima responsável pelo lançamento da plataforma.Academia do Fomento

Data: Dia 22 de outubro de 2024
Loca: Recanto Cataratas Thermas Resort & Convention, Foz do Iguaçu, Paraná, Brasil
Público alvo: Extensionistas rurais e profissionais do fomento da indústria de aves e suínos de todo o país.

Fonte: Assessoria

Notícias Em Marechal Cândido Rondon (PR)

Congresso de Avicultores e Suinocultores O Presente Rural reúne cerca de 800 produtores e especialistas

A partir da próxima edição, o Congresso de Avicultores e Suinocultores O Presente Rural passa a se chamar Alimenta: Congresso Brasileiro de Proteína Animal & Rendering. O evento passa a ser realizado a cada dois anos, em Foz do Iguaçu (PR), com a promessa de ainda mais novidades e oportunidades para o setor agropecuário brasileiro.

Publicado em

em

Fotos: Jaqueline Galvão/OP Rural

Marechal Cândido Rondon, no Oeste do Paraná, foi o palco de dois dias intensos de debates, inovações e networking durante o Congresso de Avicultores e Suinocultores O Presente Rural, que encerrou nesta quarta-feira (12). Com a participação de cerca de 800 produtores rurais e profissionais do setor, o evento consolidou-se como uma plataforma essencial para o avanço da avicultura e suinocultura no Brasil, dedicado e focado no produtor rural.

A programação técnica foi um dos pontos altos do congresso, trazendo palestras com renomados especialistas. No primeiro dia, dedicado à suinocultura, os temas abordaram desde os desafios atuais e perspectivas de mercado até a importância do bem-estar animal e a biosseguridade nas granjas. Elias José Zydek, presidente da Frimesa, Marcelo Lopes, presidente da ABCS, e Charli Ludtke, diretora técnica da ABCS, foram alguns dos palestrantes que compartilharam seus conhecimentos e experiências.

O segundo dia focou na avicultura, começando com uma palestra sobre o mercado de carnes e suas perspectivas, conduzida por Paulo Sérgio Cândido, diretor do Sindiavipar. Rafael Gonçalves Dias e Marcos Mores, entre outros especialistas, trouxeram discussões cruciais sobre Influenza aviária, biosseguridade e estratégias para o futuro da avicultura.

Empresas expositoras
Além das palestras técnicas, o Congresso contou com uma feira dinâmica, onde diversas empresas expuseram suas marcas, produtos e serviços. Este espaço proporcionou aos participantes a oportunidade de conhecer as últimas inovações e soluções tecnológicas disponíveis no mercado, fortalecendo as conexões entre produtores e fornecedores.

Selmar Marquesin, diretor do jornal O Presente Rural, fez uma avaliação extremamente positiva do evento. “A programação técnica foi cuidadosamente elaborada para atender às necessidades reais dos produtores, trazendo conteúdo relevante e atual. As palestras foram muito bem recebidas pelos nossos produtores”, salienta.

Marquesin também destacou a importância da feira de expositores. “A participação das empresas foi fundamental para o sucesso do Congresso. Tivemos a presença de grandes marcas que apresentaram inovações tecnológicas e soluções práticas para o dia a dia dos produtores. Este ambiente de troca e aprendizado fortalece toda a cadeia produtiva”, ressalta.

O Congresso de Avicultores e Suinocultores O Presente Rural encerra com um sentimento de missão cumprida e a certeza de que eventos como este são essenciais para o desenvolvimento sustentável do agronegócio brasileiro. A organização agradece a todos os participantes, palestrantes, expositores e apoiadores que contribuíram para o sucesso deste congresso. “Estamos muito satisfeitos com a participação e o engajamento de todos. Este evento é um reflexo do nosso compromisso em promover a inovação e o crescimento contínuo da avicultura e suinocultura. Agradecemos a todos que fizeram parte deste momento e esperamos continuar a contribuir para o fortalecimento do setor,” aponta Marquesin.

Edição 2025
A partir da próxima edição, o Congresso de Avicultores e Suinocultores O Presente Rural passa a se chamar Alimenta: Congresso Brasileiro de Proteína Animal & Rendering. O evento passa a ser realizado a cada dois anos, em Foz do Iguaçu (PR), com a promessa de ainda mais novidades e oportunidades para o setor agropecuário brasileiro.

Realização, apoio e patrocínio

O evento foi realizado pelo jornal O Presente Rural, Lar Cooperativa Agroindustrial e Frimesa, com o apoio do Sindicato das Indústrias de Produtos Avícolas do Paraná (Sindiavipar) e da Associação Brasileira dos Criadores de Suínos (ABCS).

Além disso, contou com o patrocínio de importantes empresas do setor, incluindo na cota diamante Agrifirm, Agroceres PIC, American Nutrients, Biochem, Boehringer Ingelheim, Casp, Dandred, Grasp, MSD Saúde Animal, Oligo Basics, Sicredi e Vetanco; na cota ouro Cargill, Cobb, Huvepharma, Phibro, Salus, Suiaves, Vaccinar; na cota prata Agroceres Multimix, Aleris, Cinergis Agronegócios, DNA South America, Equittec, GD Brasil, HB Agro, Imeve, MS Schippers, NNATRIVM, Sanex, Sauvet, Sicoob, Suitek e Xcare; e na cota especiais BioSyn, MM2, Natural BR Feed, Ourofino, Polinutri, Vaxxinova e VetQuest.

Fonte: O Presente Rural
Continue Lendo

Notícias Mercado e perspectivas futuras

Suinocultura é foco do 1º dia de congresso promovido pelo O Presente Rural

Evento segue nesta quarta-feira (12) com programação voltada à avicultura.

Publicado em

em

O agronegócio esteve em pauta nesta terça-feira (11), com a realização do Congresso de Avicultores e Suinocultores O Presente Rural, evento que conta com a participação de lideranças destes setores, especialistas, representantes de cooperativas e produtores.

No primeiro dia de programação, o foco foi a suinocultura, quando foram abordados assuntos como o mercado da carne suína, cenário atual, perspectivas futuras, aumento do consumo interno, exportações entre outros.

Amanhã, quarta-feira (12), a avicultura será o foco do evento. Assista à matéria em vídeo.

Fonte: Produzido em parceria com O Presente
Continue Lendo

Notícias

Players globais da proteína animal debatem futuro do setor em painel no Siavs 2024

Brasil, EUA e China e representante de órgão internacional abordam visões sobre o comércio global.

Publicado em

em

Representantes de grandes produtores mundiais da proteína animal participarão de um painel sobre o futuro da cadeia produtiva internacional durante debate que acontecerá em meio ao Salão Internacional de Proteína Animal (Siavs), maior evento dos setores no Brasil, programado entre os dias 06 e 08 de agosto, no Distrito Anhembi, em São Paulo (SP).

Nomeado como “Visão dos players globais sobre a proteína animal”, o painel reunirá o presidente Conselho de Exportação de Aves e Ovos dos EUA (USAPEEC), Greg Tyler, juntamente com presidente da Câmara de Comércio de Alimentos e Produtos Nativos da China (CFNA), Madame Yu Lu, e o secretário-geral do Conselho Mundial da Avicultura (IPC), Nicoló Cinotti.

No debate mediado pelo diretor de mercados da Associação Brasileira de Proteína Animal (ABPA), Luís Rua, visões distintas de atuação no mercado global traçarão perspectivas sobre os caminhos que serão percorridos pela indústria de proteína animal no futuro. “É um debate com visões complementares promovido por representantes de dois dos maiores produtores mundiais de carne de frango e carne suína, além do representante do órgão máximo da avicultura, o Conselho Mundial de Avicultura. Além do mais, a China é o principal importador mundial das proteínas de aves e suínos. A expectativa é que a gente possa ter uma discussão de alto nível, pensando em todos os elos, desde a produção até o comércio internacional. Esperamos dialogar dentro do propósito pela garantia da segurança alimentar global”, avalia Rua.

Confira a programação completa do Siavs clicando aqui.

Continue Lendo
AJINOMOTO SUÍNOS – 2024

NEWSLETTER

Assine nossa newsletter e recebas as principais notícias em seu email.