Conectado com
O Presente Rural Youtube

Empresas Bovinos

Programa de Eficiência de Carcaça (PEC) bate recorde em resultados e anuncia pecuaristas vencedores de 2020

Iniciativa visa fomentar a produção de bovinos com padrões bem estabelecidos para elevar a qualidade do produto final. Pecuaristas de diferentes regiões foram contemplados

Publicado em

em

Coletiva de imprensa on-line apresentou os resultados do programa na tarde desta quarta-feira, dia 11 - Foto: Divulgação

Após a realização da segunda edição do PEC – Programa de Eficiência de Carcaça, a Minerva Foods, a Phibro Animal Health e a Biogénesis Bagó anunciam os resultados e vencedores de 2020. Dos 728 pecuaristas que se inscreveram no programa, 567 criadores enviaram animais para abate nas unidades de Araguaína (TO), Palmeiras de Goiás (GO), José Bonifácio (SP) e Mirassol D’Oeste (MT), entre março e agosto de 2020. Ao todo, o PEC abateu 237.684 animais, sendo 188.589 machos e 49.095 fêmeas. Considerando o volume total, o município com maior volume foi Palmeiras de Goiás (79.498 animais); seguido por José Bonifácio (65.139 animais); Mirassol D’Oeste (54.564 animais) e Araguaína (38.483 animais).

Mesmo com o cenário de COVID-19, a agenda de eventos com os pecuaristas parceiros seguiu em curso, no formato online, com encontros virtuais realizados também com a participação da Phibro e Biogénesis Bagó. Fabiano Tito Rosa, diretor de compra de gado da Minerva Foods, destaca que a segunda edição do PEC foi um sucesso.

“Apesar de ser um ano desafiador, tivemos resultados muito positivos e, inclusive, alcançamos números recordes nesse ano. Mais uma vez, conquistamos nosso objetivo, considerando principalmente o quanto contribuímos com nossos parceiros pecuaristas na melhoria de indicadores de qualidade. Estamos muito satisfeitos com essa edição”, afirma o executivo.

“Reafirmamos o nosso compromisso em ajudar a pecuária brasileira a produzir cada vez mais e melhor. O PEC proporciona uma excelente interação entre os elos da cadeia, onde podemos conversar, trocar informações e analisar dados relevantes para o modelo pecuário dos participantes do programa”, comenta Marcelo Bulman, Country Manager da Biogénesis Bagó no Brasil.

“Os resultados do segundo ano do PEC comprovam que os pecuaristas e os demais elos da cadeia da produção de carne bovina estão cada vez mais conscientes da importância da produção de carne de qualidade. Nesse sentido, o Programa de Eficiência de Carcaça tem dupla função: além de ajudar os produtores a melhorar o seu desempenho também tem um olhar do mercado, contribuindo para o aumento da rentabilidade do negócio”, ressalta Mauricio Graziani, presidente da Phibro Saúde Animal.

“Parabenizamos os vencedores da edição 2020, pelo empenho e dedicação neste projeto. O PEC nos ajuda a repassar conhecimentos para os produtores melhorarem os seus indicadores de eficiência em termos de padronização e produção de carcaças com maior valor percebido junto aos consumidores. E quem ganha com isso é o nosso consumidor, que cada vez mais encontra um padrão e constância de qualidade na carne bovina. Para o próximo ano, esperamos auxiliar ainda mais produtores, de forma a contribuir para o desenvolvimento do setor”, complementa Fabiano.

Da esquerda para a direita: Mauricio Graziani, presidente da Phibro; Marcelo Bulman, country manager da Biogénesis; e Fabiano Tito Rosa, diretor de compra de gado da Minerva.

Confira os vencedores por região:

Araguaína (TO):
Ouro: Marcos Ermírio de Moraes
Prata: Arnardino dos Santos Gabriel
Bronze: José Marcos dos Reis

Palmeiras de Goiás (GO):
Ouro: Mariana Quinan Bittar
Prata: Thiago Mansur
Bronze: Luis Carvalho Dias Ralston

José Bonifácio (SP):
Ouro: Marisa Garcia Barros Liebana
Prata: Ernesto de Paula Guimarães Neto
Bronze: Grupo Agro Pau D’Alho

Mirassol D’oeste (MT):
Ouro: Manuel Jorge Ribeiro
Prata: Felix Greselle
Bronze: Wallace Antunes Gonçalves

GRAND PRIX: Alaer Luiz Marques (Palmeiras de Goiás)

Criado em 2018, o PEC tem como objetivo reconhecer e valorizar os pecuaristas com melhores indicadores e que lideram o processo de produção de carcaças padronizadas e de alta qualidade. Na prática, o programa foi idealizado para produzir, hoje, o bovino do amanhã em termos de constância de oferta, precocidade, excelente acabamento de gordura, carcaça uniforme, bom peso ao abate, padronização e ph da carne.

Fonte: Assessoria
Continue Lendo
Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

3 − dois =

Empresas Mulheres

Gerente de unidade chave da BRF espelha o avanço feminino

Executiva em Videira/SC retrata o aumento de mulheres em postos de liderança na Companhia, perto de atingir a meta de 30% de presença feminina no comando

Publicado em

em

Lucineia Antunes Valtte Leidens ( Foto: Divulgação)

A BRF, uma das maiores companhias de alimentos do mundo, tem a valorização da diversidade como um dos seus princípios, e o aumento da liderança feminina como compromisso público. Até 2025, a meta é atingir a proporção de 30% de mulheres em posições executivas.A Companhia está perto de atingir esse percentual: comparadaa 2018, a presença de mulheres em cargos executivos saltou de 15% para 22%, conforme os dados de fevereiro de 2021.

Esse avanço da liderança feminina, que se refleteinclusive na alta direção, com o exemplo de Grazielle Parenti, desde janeiro vice-presidente Global de Relações Institucionais, Reputação e Sustentabilidade, encontra-setambém no dia a dia de uma unidade chave para a BRF. A gerência industrial em Videira (SC), terra natal da Perdigão, uma das empresas que formaram a BRF, está desde o final do ano passado nas mãos de uma mulher.

Lucineia Antunes Valtte Leidens é uma das protagonistas do movimento de valorização de lideranças femininas que a BRF acelerou nos últimos anos.  Formada em Administração de Empresas, com MBA em Gestão de Pessoas, Lucineia está há 26 anos na BRF. Começou pela área de recursos humanos em Videira e foi promovida para o cargo de gerente regional Sul de RH após a consolidaçãoda fusão com a Sadia, em 2014. Dois anos depois, assumiu a gerência industrial de Campos Novos, dirigindo também a planta de Herval d’Oeste.

Com a equipe, Lucineia Valtte conseguiu colocar a unidade em destaque nos níveis de qualidade, gestão de pessoas e resultados, lucratividade e ampliação no número de habilitações para exportações de suínos. “Campos Novos se tornou uma referência pelos resultados alcançados no Sistema de Excelência Operacional em 2019 e recebeu troféus nos pilares pessoas, saúde, segurança e meio ambiente, sustentabilidade, operações industriais e gestão”, lembra.

Com aproximadamente 41% de mulheres entre mais de 90 mil colaboradores ativos no Brasil, a BRF entende que o conhecimento e o desenvolvimento das pessoas, um ambiente que valoriza a diversidade e relações baseadas em honestidade e respeito garantem o bom funcionamento da BRF e sua evolução constante.

Fonte: Ass. BRF
Continue Lendo

Empresas 6ª FAVESU:

 Agroceres Multimix destaca as expectativas para a feira em bate-papo com a organização

Publicado em

em

Fotos: Divulgação

A organização da 6ª Feira de Avicultura e Suinocultura Capixaba (FAVESU) iniciou na última quarta-feira (03) uma série de bate-papos on-line com as empresas parceiras que destacarão suas expectativas para a feira que acontece entre os dias 23 e 24 de junho, em Venda Nova do Imigrante (ES), além de seus produtos e serviços.

Iniciando essa sequência de conversas que terão o comando do jornalista Bruno Faustino, a empresa convidada foi a Agroceres Multimix, que, por meio de sua nutricionista de suínos, Anália Ribeiro da Silva, apresentou o suplemento Hydrax, que foi lançado no último mês de fevereiro pela empresa.

Anália enfatizou que o Hydrax é o único repositor eletrolítico com aporte energético de rápida absorção, estimula o aumento energético dos leitões na saída da creche e proporciona uma rápida absorção que hidrata, vigora, e confere os cuidados necessários para promover a saúde dos animais. Além disso, oferece nutrição completa e uma transição confortável aos suínos em fase de desmame, garantindo sucesso na produção.

Na sequência do bate-papo, o coordenador institucional da 6ª FAVESU, Nélio Hand, destacou o andamento da comercialização dos espaços e atualizou as informações sobre a programação e os cuidados com a Covid-19 durante o evento.

“Nós estamos acompanhando toda a evolução dos eventos e de toda essa realidade que estamos vivendo com a pandemia. Certamente nós teremos que adaptar a feira a essa nova realidade. A planta, como foi mostrada na live do último mês de dezembro, foi montada privilegiando o maior distanciamento e a segurança para os participantes com o uso de máscaras e álcool em gel”, explicou.

Nélio também detalhou o início do planejamento para a realização do 5º Concurso de Qualidade de Ovos Capixaba e 7º Concurso de Qualidade de Ovos Coopeavi, que acontecerão durante a 6ª FAVESU. “Para os concursos de qualidade de ovos, nós já estamos na fase de organização com uma comissão técnica já definida, que está discutindo os critérios das avaliações.  Além disso, as

Fonte: Assessoria Favesu
Continue Lendo

Empresas

Melhor empresa da Europa, Vetoquinol aposta em sustentabilidade e responsabilidade social para crescer

O reconhecimento concedido pela IHS Markit é mais um marco na história de mais de 8 décadas da Vetoquinol

Publicado em

em

Fabrica Vetoquinol / Divulgação.

“Estamos nos desenvolvendo de forma sustentável e significativa”. A afirmação é Dominique Derveaux, chief operating officer (COO) da Vetoquinol Saúde Animal. A empresa, uma das 10 maiores indústrias veterinárias, acaba se ser eleita a melhor empresa do ramo na União Europeia pela consultoria internacional IHS Markit. A revista francesa Le Point também a premiou como a melhor empresa veterinária no quesito responsabilidade social.

“Isso é para nos orgulhar e expressar aos parceiros de negócios nosso orgulho e maior visibilidade na indústria de saúde animal”, afirma Derveaux, ao celebrar o reconhecimento do investimento em boas práticas e pessoas. “Esse prêmio é uma prova da nossa posição de liderança e que devemos continuar apostando no nosso desenvolvimento sustentável”, complementa.

O reconhecimento concedido pela IHS Markit é mais um marco na história de mais de 8 décadas da Vetoquinol, cuja fundação teve início na cidade de Lure (França). Em 2020, a empresa registrou vendas de € 427,5 milhões, aumento de 8% em relação ao ano anterior, e obteve um crescimento de vendas de dois dígitos. Esse avanço aconteceu em todas as regiões em que a empresa atua, inclusive o Brasil, o que comprova a eficácia do seu portfólio de alta tecnologia para bovinos, animais de companhia, equinos e suínos.

“O desempenho extraordinário em 2020, sem dúvida o mais desafiador da última década, é resultado de um longo e desafiador caminho rumo à excelência. Estou muito grato às equipes por seu compromisso e dedicação. Estar à disposição dos nossos clientes e dos seus clientes é, definitivamente, a abordagem certa para conquistarmos mais juntos”, comemora o Dirk Wuyts, diretor executivo da Vetoquinol na Europa.

Responsabilidade social

Melhor empresa da União Europeia, a Vetoquinol também conquistou o título de melhor reputação em responsabilidade social para uma indústria veterinária. O ranking é promovido pela revista francesa Le Point. A empresa obteve 81,9 pontos em 100 possíveis. O estudo analisou dados de 2 mil empresas que empregam mais de 500 pessoas no país.

Jorge Espanha, (Diretor Presidente) destaca “o empenho da companhia em oferecer soluções cada vez mais modernas para a saúde, a produtividade e o bem-estar animal, reconhecido no mercado europeu por uma das principais consultorias em Saúde Animal”.

Continue Lendo
SBSA 2021

NEWSLETTER

Assine nossa newsletter e recebas as principais notícias em seu email.