Conectado com

Empresas Meio Ambiente

Iniciativa Caminhos da Semente coloca em prática plano de ação para recuperar vegetação nativa

Fazenda Monte Branco, em Piracicaba, vai recuperar uma área de cinco hectares com semeadura direta, método de plantio de sementes nativas

Publicado em

em

Divulgação

A semeadura direta é um método para recuperação de vegetação nativa que pode ter um custo até três vezes menor do que os métodos convencionais, mas ainda assim é pouco conhecida por proprietários rurais e empresas interessadas em fazer restauração. Para divulgar os seus benefícios e resolver os gargalos que ainda dificultam o seu uso, foi criada a Iniciativa Caminhos da Semente, rede de organizações liderada pela Agroicone, em parceria com o ISA – Instituto Socioambiental e com apoio do programa do Reino Unido Partnerships For Forests (P4F). Entre as ações que serão realizadas com esse objetivo estão os plantios, como é o exemplo do que vai acontecer na Fazenda Monte Branco, em Piracicaba, especializada em pecuária, e que no próximo dia 9 de dezembro vai realizar o plantio de cinco hectares.

O plantio da Fazenda Monte Branco será coordenado pela Iniciativa Verde, ONG que atua com projetos ambientais e possui vasta experiência com a semeadura direta no Estado de São Paulo, atuando junto às redes de coletores de sementes, principalmente na região do Vale do Ribeira, e proprietários interessados em restaurar. “Com o método da semeadura direta nós alcançamos redução de custos e eficiência econômica, que é importante para organizações como a nossa e para quem vai investir na restauração, aliada com a eficiência ecológica, utilizando espécies mais adequadas ao desenvolvimento de cada região. A demanda pelo insumo, que é a semente, cria mercado para as comunidades que habitam perto das florestas, com a floresta sendo um recurso importante para geração de renda desses grupos”, afirma Roberto Resende, presidente da Iniciativa Verde.

As redes de coletores de sementes são formadas, geralmente, por comunidades rurais, indígenas, quilombolas, assentados e outras populações tradicionais, com forte participação das mulheres. “A coleta de sementes é uma oportunidade de geração de trabalho e renda para as comunidades e ao mesmo tempo promove o engajamento dos coletores na preservação ambiental. Queremos contribuir para fortalecer e profissionalizar essas redes”, afirma Eduardo Malta, Coordenador Técnico de Restauração Florestal dos Programas Xingu e Ribeira, do ISA.

A Iniciativa Verde é uma das organizações que integram a Iniciativa Caminhos da Semente e que contribuiu para a elaboração do Plano de Ação estratégico da Iniciativa, que teve a participação de mais de 250 especialistas atuando em mais de 160 organizações interessadas em apoiar a semeadura direta em diversos estados. “Nós verificamos que a semeadura direta ainda é um método pouco usado no Brasil, apesar de suas vantagens econômicas e socioambientais, porque existem barreiras importantes para serem resolvidas, sendo uma delas o baixo conhecimento do método em São Paulo”, explica Laura Antoniazzi, sócia da Agroicone e coordenadora geral da Iniciativa.

Como funciona

O método consiste em plantar, em solo previamente preparado, uma mistura de sementes de diversas espécies nativas, adequada a cada bioma e fitofisionomia. Para cobrir rapidamente o solo e competir com o capim, a mistura de sementes inclui também espécies de leguminosasusadas como adubação verde, comofeijão guandu. Assim, as leguminosas promovem uma cobertura durante os primeiros dois anos, o que favorece o desenvolvimento das árvores.Outra característica é que o plantio pode ser feito com máquinas e tratadores já usados em propriedades agrícolas, como plantadeiras de grãos, oucalcareadeira e adubadeira, sem necessidade de investimento adicional com equipamentos e acompanhamento de agricultores. A partir de dois anos aparecem árvores e arbustos pioneiros, e no período de 10 anos completa-se a recuperação da mata, com uma formação semelhante à vegetação original.

O roteiro da atividade

O plantio terá início a partir de 9h00, com separação, pesagem e mistura das sementes e posterior adição de areia na mistura. Essa primeira etapa do processo será feita durante a manhã, se encerrando até o intervalo de almoço, às 12 horas. Após o intervalo, será feito preparo e regulagem da máquina calcareadeira, sendo necessário 1 hora para esse trabalho. A seguir, será feito o plantio com a máquina (se houver tempo seco), encerrando o trabalho até 17 horas. Se houver chuva, o plantio será manual e nesse caso será realizado em dois dias.

Fonte: Assessoria
Continue Lendo
Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

13 + 4 =

Empresas IPPE

Time técnico da Wisium será destaque em evento internacional

Marca irá realizar ação especial, com palestras exclusivas

Publicado em

em

Raquel Andrade, Gerente do Segmento Aves da Wisium - Foto: Divulgação

Um dos diferenciais competitivos da Wisium é a equipe altamente qualificada, composta por profissionais com ampla experiência no mercado de proteína animal e com forte embasamento para orientar e ajudar os clientes na tomada de decisão diária. Este time técnico da marca global de premixes, aditivos e serviços será um dos destaques do importante evento International Production & Processing Expo (IPPE), que ocorrerá de 28 a 30 de janeiro de 2020, na cidade de Atlanta (Estados Unidos).

Assim como nas edições anteriores do evento, clientes da Wisium de diferentes países já agendaram visitas ao estande da marca (Booth A- 401). Outros profissionais interessados em conversar sobre tecnologias exclusivas também serão recepcionados, ao longo dos três dias de IPPE, pelo time global da Wisium.

De acordo com Raquel Andrade, Gerente do Segmento Aves da Wisium, a participação no evento será uma grande oportunidade para a marca debater temas que pautam o cenário mundial, como a produção livre de antibióticos, e também reforçar os benefícios de suas soluções inovadoras.

“Entre nossos produtos, destacaremos B-SAFE®, que favorece a saúde intestinal, ao reduzir os patógenos e preservar as bactérias benéficas, T5X®, um adsorvente de micotoxinas que fortalece a autodefesa, ao intensificar a produção de enzimas capazes de neutralizar toxinas e OILIS®, produto natural desenvolvido para o controle da coccidiose”, pontua Raquel.

 

Ação Especial – No dia 29 de janeiro de 2020, das 12h15 às 14h30, a Wisium irá realizar um evento, no Omni Hotel Downtown (100 Cnn Center NW, Atlanta, GA 30303). A iniciativa terá palestras exclusivas que abordarão temas importantes para o mercado de nutrição animal.

A abertura será feita por François Fernandez, vice-presidente global de premix e serviços da ADM Animal Nutrition. Na sequência, Christophe Blondet, vice-presidente global de pesquisa e desenvolvimento de produto da ADM Animal Nutrition, abordará o tema “Predição dos valores nutricionais de ingredientes de origem animal”.

O encerramento destacará “Estratégias para produção de aves livres de antibióticos” e será conduzido por Martin Audiffred, gerente de desenvolvimento de negócios de Aves de Postura da Wisium para a América Latina.

Fonte: Assessoria da Wisium
Continue Lendo

Empresas Avicultura

Trouw Nutrition reforça os desafios para a cadeia de proteína animal durante IPPE 2020

Publicado em

em

Foto: Divulgação

A Trouw Nutrition, uma das maiores indústrias de nutrição animal do mundo, reforça o compromisso de investir em inovação e tecnologia para aumentar a produtividade, qualidade e segurança das cadeias de produção animal, com a participação na Exposição Internacional de Produção e Processamento (IPPE – International Production & Processing Expo), o maior evento anual do mundo em tecnologia de avicultura, nutrição e carnes, que acontece entre 28 e 30 de janeiro de 2020, em Atlanta (EUA).

Fabio Escher, diretor de marketing, e Eduardo Piber, gerente de negócios de Feed Additives da Trouw Nutrition – juntamente com gestores de unidades da empresa em outros países – estarão no evento reforçando os conceitos de redução do uso de antimicrobianos na produção animal, manejos sanitário e nutricional e fontes seguras de matérias-primas para nutrição animal.

“Mais uma vez participamos desse importante evento da produção animal, trocando ideias e tendo acesso sobre novas tecnologias e interagindo com clientes e parceiros no nosso estande. Também é o momento para reforçar a racionalização do uso de antimicrobianos sem impactar a produtividade e a lucratividade da produção animal. Cada vez mais, os consumidores querem saber o que estão colocando na mesa e a Trouw trabalha para conscientizar os produtores de que o caminho para a redução do uso de antibióticos não envolve apenas uma única solução”, explica Fabio Escher.

Fonte: Assessoria da Trouw
Continue Lendo

Empresas Máquinas

Mahindra apresenta solução para produtores de frutas cítricas na Show Rural 2020

Perfeito para culturas adensadas o trator de 80 cv vai chamar à atenção dos produtores que visitarem a SHOW RURAL COOPAVEL, uma das três maiores feiras do setor do Mundo

Publicado em

em

Foto: Divulgação

A MAHINDRA, uma das marcas de tratores que mais cresceu em 2019, com índice de 52,5% superior em relação ao ano anterior, mostra a força mundial da marca para os produtores que visitarem a 32ª edição da Show Rural Coopavel, que acontece de 3 a 7 de fevereiro, em Cascavel – PR.

O modelo 6075 E, especial para os produtores de Café, Laranja, Maçã e frutas de caroço em geral, como Pêssego e Ameixa, é a aposta da gigante indiana para o mercado brasileiro em 2020. Um trator de 80 cv de potência, perfeito para pomares com espaçamento de 3,5 a 4m entre as plantas e o “vão livre da rua” entre 1,8 e 2,0 m. De simples operação, mesmo “estreito” mantém a ergonomia aprimorada, mas certamente a economia de combustível é o diferencial que mais vai chamar à atenção do agricultor, pois o modelo registrou ser 18% mais econômico que os principais concorrentes.  O baixo consumo de combustível é uma das principais características da MAHINDRA, fator que influencia no resultado final da produção e lucros na propriedade, sendo motivo decisivo para o produtor escolher a marca que vai ser a sua aliada e parceira para ajudá-lo a produzir mais e melhor.

No estande da MAHINDRA  na  SHOW RURAL COOPAVEL terá ambientação especial para exibição de grande parte do portfólio da marca, com modelos que vão de 25 cv a 95 cv de potência. A MAHINDRA é a maior empresa de tratores em volume de vendas, possui mais de 4 milhões de tratores vendidos no mundo, tem foco na agricultura familiar – produtores rurais de pequeno e médio porte e a única que oferece garantia de 5 anos,  fator exclusivo da marca no território nacional. “Só quem confia no que produz pode oferecer 5 anos de garantia” explica Jak Torretta, diretor geral das operações da MAHINDRA no Brasil.

A Show Rural Coopavel é considerada um dos três maiores eventos do setor do mundo, conta com 650 expositores e possui expectativa de 250 mil pessoas circulando durante os cinco dias de feira.

 

Visite o estande da MAHINDRA na SHOW RURAL COOPAVEL e descubra porque o trator MAHINDRA é o mais forte sobre a terra. Saiba mais:  mahindrabrasil.com

 

Fonte: Assessoria da Mahindra
Continue Lendo
Biochem site – lateral
Mais carne

NEWSLETTER

Assine nossa newsletter e recebas as principais notícias em seu email.