Conectado com

Empresas Bovinos

Felipe Zanforlin: Bom manejo é pilar para sucesso e sustentabilidade da cadeia produtiva do leite

Veterinário mineiro observa melhoria do bem-estar de vacas com o uso do Velactis, o facilitador de secagem do leite da Ceva

Publicado em

em

Foto: Divulgação

Um casal de dentistas de Belo Horizonte gerou, em 1986, um menino que mudaria a tradição odontológica da família: Felipe Zanforlin Freitas. “Quando pequeno, menino da capital mineira, nunca havia pensado em trabalhar em fazenda. Meu contato com o meio rural era muito restrito. Foi só quando chegou a época de decidir a profissão que tentei descobrir algo que fosse próximo ao meu perfil, mais jovem e em busca da versatilidade. Então, conheci a medicina veterinária e, encantado, me apaixonei”, conta Felipe.

Depois de formado pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), Felipe Zanforlin atuou em fazendas de Lagoa Grande e Curvelo, em Minas Gerais, e também em Goiás e Espírito Santo, antes de se fixar em Patos de Minas (MG). Lá, tornou-se referência em qualidade do leite e comanda uma equipe multidisciplinar que cuida, principalmente, do úbere das vacas leiteiras, realiza experimentos clínicos e testa produtos para saúde animal.

“Tenho atuado especialmente em Minas Gerais. As regiões do Alto Paranaíba e do Triângulo Mineiro têm desenvolvido uma pecuária bem intensiva. Em consequência, estão surgindo desafios sanitários e também metabólicos. Como as vacas estão produzindo cada vez mais, é preciso realizar um manejo impecável da secagem do leite”, afirma o especialista.

Felipe explica que o momento da secagem do leite é “altamente desafiador” porque é na pós-secagem que acontece o enchimento excessivo das glândulas mamárias, processo que causa dor e, consequentemente, muito estresse, diminuindo a saúde e a qualidade de vida das vacas. Segundo ele, métodos antigos – como induzir a diminuição da produção de leite por meio de dieta diferenciada – já não têm apresentado bons resultados nas fazendas.

“A tecnologia passou a ser uma aliada dos veterinários – e especialmente dos produtores de leite. Muitas fazendas optaram pelo uso do facilitador de secagem Velactis, e observam excelentes resultados, inclusive no próprio comportamento do animal, que deixa de sentir desconforto e mugir de dor, algo que não acontecida sem o uso do medicamento”, detalha.

Izabela Borges, vendedora técnica de campo da Ceva que atende a região do Alto Paranaíba, ressalta o quanto é importante ter veterinários capacitados dentro das fazendas “O Felipe é um super parceiro. Profissionais como ele – interessados, curiosos e pragmáticos – nos ajudam a traduzir questões técnicas mais complexas, facilitando a comunicação com o produtor para uma melhor tomada de decisão.”

Velactis, da Ceva Saúde Animal, é o primeiro e único facilitador de secagem do leite do mercado brasileiro. Contribuindo para o bem-estar das vacas, contribui também para a qualidade do leite e para a saúde do úbere, áreas nas quais Felipe é especialista. “O bom manejo é um pilar importante para o sucesso e a sustentabilidade da cadeia produtiva do leite. O Brasil tem um grande potencial nessa atividade, auxiliando o desenvolvimento econômico e social do país”, finaliza Felipe Zanforlin.

Fonte: Assessoria da Ceva
Continue Lendo
Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

4 − 2 =

Empresas Mais Integridade

Em Brasília, Stefan Mihailov, presidente da Trouw Nutrition recebe Selo Agro Mais Integridade

O prêmio incentiva e premia a conduta ética e a responsabilidade social e ambiental de empresas ligadas ao agronegócio.

Publicado em

em

Presidente da Trouw Nutrition para América Latina, Stefan Mihailov, recebeu em Brasília o Selo Mais Integridade - Foto: Divulgação

Nesta terça-feira (10 de dezembro), a ministra Tereza Cristina (Agricultura, Pecuária e Abastecimento) entregou ao presidente da Trouw Nutrition para América Latina, Stefan Mihailov, o Selo Mais Integridade. O prêmio incentiva e premia a conduta ética e a responsabilidade social e ambiental de empresas ligadas ao agronegócio.

“A premiação do MAPA certifica os nossos esforços em cooperar para o aumento da produção sustentável de proteínas animais e atender à crescente demanda da população por alimentos seguros e de qualidade, assegurando a preservação dos recursos existentes no planeta”, destaca Stefan Mihailov.

Fonte: Assessoria da Trouw
Continue Lendo

Empresas Auster

Flaviana Lupatini é a nova gerente regional da Auster Nutrição Animal

A Auster Nutrição animal anuncia a contratação de Flaviana Lupatini, para o cargo de Gerente Regional da empresa.

Publicado em

em

Flaviana Lupatini

Com vasta experiência em gestão de equipe, marketing e vivência em agroindústrias de proteína animal, Flaviana chega para agregar conhecimento e fortalecer o trabalho realizado pelo time de campo da Auster, com foco na tecnologia e melhoria constante da nutrição animal, contribuindo decisivamente para segurança da cadeia produtiva de alimentos.

Formada em Medicina Veterinária, Flaviana possui MBA em Gestão Empresarial pela Fundação Getúlio Vargas e Mestrado em Produção Animal pela Universidade Federal de Goiás.

Fonte: Ass. de Imprensa
Continue Lendo

Empresas Bovinos

Cargill Nutrição Animal lança Probeef Resist Golden 

Nova tecnologia permite o consumo adequado de suplemento em regiões com consumo historicamente baixo

Publicado em

em

Foto: O Presente Rural

O período das águas é um dos momentos mais importantes para o pecuarista. A fazenda precisa ter pastos mais verdes e nutritivos para compor uma dieta balanceada para os bovinos. Apesar de ser uma época favorável para pecuária, alguns desafios podem ser encontrados pelo caminho. Um dos principais problemas é o consumo insuficiente de suplemento mineral, que reduz o potencial produtivo dessa estação para todas as categorias, do bezerro ao boi gordo.

“A necessidade é proporcional, ou seja, quanto maior o potencial de ganho, maior será a exigência de minerais, e fatores como logística difícil, acesso aos pastos e cochos descobertos favorecem a ação da umidade e da chuvas, aumentando as perdas de suplemento e reduzindo o consumo dos animais.  Para esse desafio foi criada a linha Probeef® RESIST™, tecnologia exclusiva que é resistente às chuvas”, explica Matheus Capelari – Coordenador de Produtos da Cargill.

Agora, a Cargill Nutrição Animal, sempre buscando auxiliar seus clientes na solução de questões relevantes, lançou em Outubro de 2019 o Probeef Resist Golden, um produto da linha RESIST™, ou seja, resistente às chuvas, mas desenhado para regiões onde o consumo de suplemento é historicamente baixo. Regiões com água salobra, dura ou com solos mais férteis em alguns minerais tendem a limitar o consumo de suplemento, reduzindo o desempenho dos animais.  Essa realidade é muito comum no Pantanal e no Pará, por exemplo.

O grande diferencial da linha Probeef RESIST™ é a tecnologia SAWT (Superior All-Weather Technology) que permite a passagem de água ou umidade pelo produto sem afetar sua apresentação, mantendo assim sua forma original, sem empedrar ou formar aquela conhecida pasta no cocho, além de continuar garantindo a composição mineral do produto. O Probeef Resist Golden mantém a tecnologia, mas com a inovação de permitir consumos dentro do desejado para condições citadas acima.

“Para o Probeef® RESIST™ Golden unimos dois pacotes tecnológicos, o primeiro é a tecnologia SAWT em si, já provada no campo desde 2017 com excelentes resultados, e o segundo é uma formulação específica, com um pacote de aditivos e ingredientes desenvolvidos para ajudar nossos clientes nessas regiões de baixo consumo. O produto foi desenvolvido e posteriormente testado no nosso Centro de Pesquisa em Nutrição Animal, em Mogi-Mirim, e já está rodando muito bem no campo desde seu lançamento, finaliza Matheus.

Fonte: Assessoria da Cargill
Continue Lendo
Biochem site – lateral
Mais carne

NEWSLETTER

Assine nossa newsletter e recebas as principais notícias em seu email.