Conectado com
OP INSTAGRAM

Notícias

FACTA completa 27 anos e mantém excelência na difusão de conhecimento

O foco principal era o fomento e a transmissão de novos conhecimentos e tecnologias aplicáveis ao desenvolvimento sustentável da avicultura

Publicado em

em

A FACTA, Fundação APINCO de Ciência e Tecnologia Avícolas, completa neste mês de agosto 27 anos de atuação. Criada com o objetivo de difundir conhecimento sobre a avicultura por todo o Brasil, a Fundação é uma organização civil sem fins lucrativos que continua fiel aos seus propósitos de sua idealizadora e criadora, a APINCO – Associação Brasileira dos Produtores de Pintos de Corte.

Tendo como foco principal o fomento e a transmissão de novos conhecimentos e tecnologias aplicáveis ao desenvolvimento sustentável da avicultura, a FACTA atende seus objetivos realizando eventos de atualização técnica, aperfeiçoando mão de obra operacional e técnica por meio de cursos específicos, divulgando conhecimentos avícolas através de publicações especializadas e estimulando a evolução técnica, científica e tecnológica da atividade pela dotação de prêmios de estímulo.

Para Edir Nepomuceno Silva, Presidente da WPSA (World's Poultry Science Association) e o primeiro Presidente do Departamento Técnico da Associação APINCO, eleito em 1981, a criação da FACTA foi um processo natural. “Foi necessário para albergar o cabedal de atividades que se acumularam nos anos na difusão de conhecimentos. Estes ultrapassaram a ’qualidade de pintos de corte’ abrangendo todos os segmentos da produção avícola. As publicações dos livros técnicos da FACTA e, principalmente, da sua revista científica indexada e em inglês (Brazilian Journal of Poultry Science) aumentaram a projeção e reconhecimento da FACTA em todo o mundo. O modelo foi copiado e inovado por inúmeras outras entidades brasileiras do setor. Não é modéstia dizer que a FACTA está entre as maiores e mais efetivas entidades técnicas em todo o mundo da difusão do conhecimento técnico e cientifico na avicultura industrial”.

Até julho de 2016, a FACTA realizou cursos nas áreas de Nutrição, Salmonella, workshops sobre Microscopia e Necropsia, a Conferência FACTA, quando promoveu o “Prêmio FACTA”, “Prêmio Lamas”, duas edições da BJPS – Brazilian Journal of Poultry Science, além de lançar a versão em Espanhol do livro “Manejo de Incubação”.

Para a atual Presidente da FACTA, Irenilza de Alencar Nääs, A FACTA sempre pensou para frente, pensou o futuro, levantou coisas novas e tentou buscar soluções para adiantar questões que eventualmente a avicultura pudesse enfrentar. “Esse é o grande ponto da existência da entidade. Então, por isso tudo, a FACTA teve e continua tendo um papel histórico muito importante na avicultura brasileira”, finaliza Nääs.

Fonte: Assessoria

Continue Lendo
Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

doze + sete =

Notícias Segundo Cepea

Preços internos do milho renovam máximas nominais

Movimento de alta nas cotações do milho segue firme no Brasil

Publicado em

em

Divulgação

O movimento de alta nas cotações do milho segue firme no Brasil. Segundo pesquisadores do Cepea, o impulso vem dos baixos estoques internos de milho, da queda na produção da safra de verão e dos preços elevados nos portos. Diante disso, em muitas regiões consultadas pelo Cepea, os valores atingem novos patamares recordes nominais.

As cotações externas também avançam, influenciadas por estimativas indicando safra e estoques de passagem menores que os previstos anteriormente. Quanto aos negócios no spot nacional, pesquisadores ressaltam que ainda ocorrem apenas quando há maior necessidade.

Enquanto vendedores, atentos à queda na produção, estão à espera de novas valorizações, compradores têm expectativa de que o início da colheita possa pressionar as cotações.

Fonte: Cepea
Continue Lendo

Notícias Mercado

Elevação externa e baixo excedente doméstico mantêm preço da soja em alta no Brasil

Preços internos da soja estão em alta, influenciados pela valorização externa e pelo baixo excedente doméstico

Publicado em

em

Divulgação/MAPA

Os preços internos da soja estão em alta, influenciados pela valorização externa e pelo baixo excedente doméstico. O Indicador ESALQ/BM&FBovespa Paranaguá (PR) subiu 2,45% entre 8 e 15 de janeiro, a R$ 169,66/sc na sexta-feira (15).

O Indicador CEPEA/ESALQ Paraná avançou 3,75% no mesmo comparativo, a R$ 166,97/sc de 60 kg na sexta. No campo, o cultivo de soja está praticamente finalizado no Brasil, e a Conab estima produção nacional em 133,69 milhões de toneladas, pouco acima da esperada pelo USDA, de 133 milhões de toneladas. Agora, as atenções de agentes se voltam à colheita, que já foi iniciada em Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Paraná e Minas Gerais.

Entretanto, o ritmo das atividades ainda é lento, tendo em vista o cultivo tardio. A expectativa é de que os trabalhos de campo se intensifiquem entre o final de janeiro e o começo de fevereiro. As áreas de cultivo precoce têm registrado baixa produtividade, diante das chuvas tardias.

Fonte: Cepea
Continue Lendo

Notícias Postura

Poder de compra do avicultor cai para o menor patamar da história

Em janeiro, os preços dos principais insumos consumidos na avicultura de postura, milho e farelo de soja, voltaram a se elevar

Publicado em

em

Arquivo/OP Rural

Em janeiro, os preços dos principais insumos consumidos na avicultura de postura, milho e farelo de soja, voltaram a se elevar.

Esse cenário, somado aos menores preços pagos pela caixa de ovos comerciais, pressionou o poder de compra do avicultor de postura para o menor patamar já registrado na série histórica do Cepea, iniciada em 2013 para esse produto.

Fonte: Cepea
Continue Lendo
Dia Estadual do Porco – ACSURS

NEWSLETTER

Assine nossa newsletter e recebas as principais notícias em seu email.