Conectado com
Suínos e Peixes – Maio

Empresas Avicultura

Boehringer Ingelheim e Congresso de Ovos reforçam parceria para a divulgação de marcas tradicionais como Yokei 5 e Vaxxitek

A empresa visa reforçar a parceria com o setor de postura, que tem andado junto há muitos anos com a Boehringer Ingelheim

Publicado em

em

Alberto Inoue, Gerente de Aves e Suínos da empresa - Foto: Divulgação

O Congresso de Ovos da APA (26 a 28 de março de 2019, em Ribeirão Preto, SP) é o principal evento de atualização que mescla o marketing, tendências de mercado e conteúdo técnico focado no segmento de postura comercial. Estes são os motivos principais que levaram a Boehringer Ingelheim a patrocinar o encontro. “A empresa entende que participar do Congresso é uma oportunidade de fortalecer o setor com trocas de experiências e conhecimento”, afirma Alberto Inoue, Gerente de Aves e Suínos da empresa.

A participação da Boehringer no evento não se limita ao patrocínio, já que a companhia também participa do Comitê Técnico para a seleção dos temas e palestrantes do evento.

A empresa visa reforçar a parceria com o setor de postura, que tem andado junto há muitos anos com a Boehringer Ingelheim. Marcas tradicionais como o Yokei 5, a Vaxxitek e o Nemovac permanecem com elevada participação e crescimento consistente, demonstrando a confiança na tradição de qualidade da marca.

Alberto Inoue explica que a empresa vai aproveitar o Congresso de Ovos para reposicionar alguns produtos da linha. “Por exemplo, a Vaxxitek, além da eficácia contra Gumboro e Marek, hoje traz um enfoque na proteção do sistema imune devido a preservação dos linfócitos B, melhorando a resposta de várias outras vacinas, como Bronquite Infecciosa, Doença de Newcastle e EDS”, afirma o Gerente, que completa: “Outros produtos, como a Gallivac SE, vacina viva contra Salmonella Enteritidis, ganharam importância com as instruções normativas de controle de Salmonellas.

Para a Boehringer, o temário da edição 2019 do evento é bastante interessante com assuntos atuais que realmente refletem as demandas do setor produtivo. “Cada tema e palestrante é debatido dentro do comitê de maneira a selecionar os assuntos que são relevantes no momento, com as melhores opções possíveis e disponíveis para apresentação”. Confira o programa completo em: http://www.congressodeovos.com.br/programa.php.

O evento tem o apoio da Facta (Fundação Apinco de Ciência e Tecnologia Avícolas) e da CDA (Coordenadoria de Defesa Agropecuária).

Entre os patrocinadores da edição 2019 já estão confirmadas as empresas Agroceres, Adisseo, Alltech, Amicil, Artabas, Big Dutchman, Biocamp, Biovet, Boehringer, Ceva, DSM, Desvet, Elanco, Evonik, Granja Fujikura, Hy- Line, ICC, Lohmann, Lubing, M Cassab, Mercoaves, MSD Saúde Animal, Novogen, Nutron, Plasson, Poli-Nutri, Trouw Nutrition, Uniquímica, Vaccinar, Yamasa, Yes, Zoetis e Wisium.

 

As mídias parceiras são: Avicultura Industrial, A Hora do Ovo, AviSite, Avinews, Feed&Food, O Presente Rural e OvoSite.

 

As associações estaduais parceiras são: Avimig (Portal e Revista), ASGAV, AVES (Portal e Jornal), ACEAV, AVIPE e AGA.

Fonte: Assessoria
Continue Lendo
Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dezessete − 5 =

Empresas

Agroceres PIC vê no XVIII SNDS oportunidade de projetar novos horizontes para a suinocultura brasileira 

Empresa apoia evento com o tema “O poder da evolução está nas novas maneiras de ver o mundo”

Publicado em

em

A Agroceres PIC é patrocinadora ouro do XVIII Seminário Nacional de Desenvolvimento da Suinocultura (SNDS), principal evento de lideranças do setor, que ocorrerá entre nos dias 1 e 2 de agosto, no Sheraton Grand Rio Hotel & Resort, do bairro Leblon, no Rio de Janeiro.

Organizado pela Associação Brasileira dos Criadores de Suínos (ABCS), o SNDS reafirma o compromisso da entidade nacional com o desenvolvimento do setor a cada dois anos e, nas últimas três edições, reuniu os gestores de ao menos 70% das matrizes do país, além de indústria, varejo e empresas de insumos do segmento.

O diretor superintendente da Agroceres PIC, Alexandre Rosa, destacou a oportunidade que o encontro proporciona para dialogar com as lideranças da cadeia suinícola e reforçar as condições para novos avanços para o segmento.

“A ABCS possui um papel muito importante para o desenvolvimento da suinocultura brasileira e o SNDS é parte fundamental desse esforço. Como empresa do setor, apoiamos e participamos ativamente das ações formuladas e realizadas pela ABCS. Consideramos a união da cadeia uma condição fundamental para consolidar novos avanços à produção brasileira de suínos”, frisa Alexandre.

A Agroceres PIC é uma das companhias com maior tradição, conhecimento e inovação no desenvolvimento genético de suínos. A Empresa opera no país desde 1977, quando realizou a transferência de um núcleo genético de animais de elite para o Brasil, e é uma das principais apoiadoras do SNDS há várias edições.

Para Alexandre, a ABCS tem se posicionado muito bem diante das profundas transformações que a atividade vem atravessando e, com a mudança dos desafios da atividade, tem conseguido ajustar o foco de atuação de maneira muito inteligente, voltando-o para outras frentes como o aumento da demanda da carne suína no Brasil, o fortalecimento da representatividade política e da proteção sanitária do rebanho, entre outras.

“A programação do evento reflete essa postura. Tenho absoluta convicção de que esta edição do SNDS será, mais uma vez, uma boa oportunidade para a obtenção de informação qualificada e para o debate de ideias que nos ajudem a projetar novos horizontes e oportunidades para a suinocultura brasileira e caminhos para tornarmos nossa atividade cada vez mais eficientes, rentável e competitiva”, completa.

Inscrições abertas

Realizado há mais de 35 anos, o SNDS XVIII traz em 2019 o desafio de transformar a suinocultura tradicional em um setor dinâmico e competitivo, sustentado em ciência e tecnologia, com o tema “O poder da evolução está nas novas maneiras de ver o mundo”.

Para isso, contará com palestras de especialistas de referência nacional e internacional, com uma programação diversificada em sintonia com o momento vivido pela cadeia, ampliando o debate com quatro painéis, discutindo competitividade, inovação, marketing, consumo e gestão de negócio.

Para garantir sua vaga entre em contato com a sede da ABCS, em Brasília, pelo telefone (61) 3030-3200. Todas as informações sobre o evento, como programação, localização, inscrições, valores de investimento e patrocinadores podem ser encontradas no site www.snds.com.br.

 

Fonte: Ass. de Imprensa
Continue Lendo

Empresas

MSD Saúde Animal participa do XII Simpósio Internacional de Suinocultura

Durante o evento, a companhia discutirá novos resultados e métodos na prevenção da doença Lawsonia Intracellularis

Publicado em

em

A MSD Saúde Animal participa da 12ª edição do Simpósio Internacional de Suinocultura (Sinsui). O evento de caráter estritamente técnico acontece, entre os dias 21 e 23 de maio, em Porto Alegre (RS).

Organizado pelo setor de Suínos do Departamento de Medicina Animal da Faculdade de Veterinária da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (Favet-UFRGS), o Sinsui é conhecido por ser referência de estudos e pesquisas científicas desenvolvidas para a área suinícola e é considerado como um dos principais eventos técnico-científicos do setor na América Latina.

Neste ano, a programação do evento destaca as áreas de produção, reprodução e sanidade suína em uma série de palestras. “O Sinsui é um evento altamente técnico, que aborda temas atuais e de grande importância para a suinocultura brasileira. Participar de eventos como este é importante para estar em contato com as últimas novidades e inovações científicas”, diz Robson Gomes, gerente de produtos da MSD Saúde Animal.

De acordo com o executivo, o Sinsui é também um importante espaço para a interação dos técnicos da MSD Saúde Animal com os profissionais do meio acadêmico, responsáveis pela condução das pesquisas. “Esse contato é importante para que possa haver um maior intercâmbio de informações entre o campo e as universidades. O evento é também uma oportunidade para reforçarmos a parceria com nossos clientes”, acrescenta.

Espaço técnico

A MSD Saúde Animal é patrocinadora do Espaço Técnico do dia 23 de maio. Na oportunidade, Dr. Roberto Mauricio de Carvalho Guedes, professor da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), será o moderador das palestras ministradas pelos PhD Fabio Vannuci, da Universidade de Minnesota e Dr. Rafael Frandoloso, da Universidade de Passo Fundo (UPF), que discutirão sobre o agente infeccioso Lawsonia Intracellularis, causador da Enteropatia Proliferativa Suína, ou Ileíte.

A enfermidade afeta negativamente os resultados econômicos em granjas de suínos. Atualmente, considerada como uma das três mais impactantes para a suinocultura, provocando prejuízos estimados que possam variar de R$ 6,50 até R$ 49,00 por animal. “Quanto maior for o conhecimento em relação a esse tema, maior as chances de controle dessa enfermidade em nossos planteis, minimizando os efeitos prejudiciais destas doenças na indústria”, ressalta Gomes.

11ª. Edição das Melhores da Suinocultura

Com o apoio da MSD Saúde Animal, durante o XII Sinsui ocorrerá a premiação da 11ª edição do Prêmio Melhores da Suinocultura Agriness. Trata-se de o maior projeto de benchmark da suinocultura da América Latina, que encerra a edição 2018 somando mais de 1,3 milhão de matrizes e 1800 granjas de oito países. Na ocasião, a premiação apresentará ao mercado os nomes e o desempenho dos suinocultores que ficaram no topo do ranking de excelência em gestão e produtividade do Brasil e da América Latina.

“A MSD Saúde Animal é uma parceira estratégica da Agriness em projetos de grande relevância para o setor. O Melhores da Suinocultura é um projeto que contribui fortemente para a melhoria da suinocultura e a participação estratégica da MSD é fundamental para que isso aconteça”, diz Everton Gubert, fundador e CEO da Agriness.

Idealizado em 2006, o Melhores da Suinocultura é um projeto desenvolvido pela Agriness especialmente para suinocultores, com o objetivo de oferecer um referencial transparente e confiável para os índices de produção do país.

Serviços:

Prêmio Melhores da Suinocultura

Cerimônia de Encerramento e Premiação da 11ª Edição

Data: 22 de maio de 2019

 

VI Simpósio Internacional de Suinocultura (SINSUI)

Palestras:

Fabio Vannucci: – “Atualidades em infecções por Lawsonia intracellularis: Perspectiva Global” –

Rafael Frandoloso: “Lawsonia intracellularis, é possível modular proteção entérica mediante vacinação?”, -.

Data: 23 de maio (quinta-feira)

Local: UFMG – Sala A – Espaço MSD Saúde Animal

Horário: a partir das 12H45

Fonte: Ass. de Imprensa
Continue Lendo

Empresas Fibras

A importância do uso de fibras funcionais na dieta de aves e suínos

São inúmeros os benefícios das fibras quando aplicado pelos formuladores de granjas em dietas de monogástricos

Publicado em

em

Diretor Geral da Biosen®, Fernando Toledano - Foto: Divulgação

Fibras são ingredientes vegetais a base de madeira fresca especialmente selecionadas para a nutrição animal que ganham cada vez mais espaço entre as granjas de todo o país. “São ingredientes livres contaminações e micotoxinas capazes de dar suporte ao bom funcionamento fisiológico de todo o sistema gastrointestinal, contribuindo para uma melhora na eficiência zootécnica dos monogástricos”, informa o Diretor Geral da Biosen®, Fernando Toledano.

O Opticell® C5, fibra funcional presente no portfólio da empresa austro-brasileira, quando aplicado nas formulações possibilita a redução do uso dos antibióticos, isso porque as fibras funcionais dão suporte as funções gastrointestinais dos animais. “Como consequência temos um melhor estímulo a função peristáltica, maior produção de ácidos graxos voláteis e um melhor equilíbrio da microbiota intestinal. Mas é importante salientar que o alimento sozinho não é a única solução, boas práticas de manejo bem como bem-estar animal compõem os pilares para animais melhores e sadios, consequentemente, retorno positivo zootécnico e econômico”, destaca Toledano.

Economia e retorno financeiro também são características pelo uso do Opticell® C5, isso porque com baixo percentual de inclusão de fibras é possível ter um reequilíbrio das funções fisiológicas dos animais. “Adicionalmente, a análise de custo benefício sobre o uso de fibras funcionais deve considerar a situação do plantel. Quanto maiores forem os transtornos causados pela deficiência de fibras nas dietas dos animais, maior será a contribuição das fibras funcionais e um maior retorno financeiro será observado”, salienta o Diretor Geral da Biosen®.

Para ele, “no geral, o uso de fibras funcionais na avicultura e suinocultura pode ser considerado um dos melhores investimentos na área nutricional a ser feito pelo produtor, tamanha é a deficiência de fibra, seja em quantidade quanto em qualidade”, destaca.

Fonte: Assessoria
Continue Lendo
Ecobiol- Evonik
Conbrasul 2019
Biochem site – lateral

NEWSLETTER

Assine nossa newsletter e recebas as principais notícias em seu email.