Conectado com

Empresas Bovinos de Leite

Auster Nutrição Animal aposta em soluções inovadoras contra o estresse térmico das vacas leiteiras

O estresse térmico em vacas leiteiras é um dos temas mais discutidos nos últimos anos. Isso se deve ao fato de que as temperaturas médias elevadas proporcionam cenários desafiadores para os animais.

Publicado em

em

O estresse térmico em vacas leiteiras - Divulgação Auster

 A chegada do período mais quente do ano e o foco na melhoria da saúde das vacas leiteiras levam a Auster Nutrição Animal – indústria brasileira, especializada no desenvolvimento, pesquisa, produção e distribuição de produtos de alta tecnologia para nutrição animal – a apresentar soluções nutricionais que melhoram a qualidade de vida das fêmeas em pré-parto, pós-parto e recria que sofrem estresse térmico. “Este é um dos fatores de maior impacto econômico na pecuária leiteira, sendo negativo para a produção, reprodução e também na saúde das vacas”, explica Mario Viderman, gerente de Bovinos da Auster.

O estresse térmico em vacas leiteiras é um dos temas mais discutidos nos últimos anos. Isso se deve ao fato de que as temperaturas médias elevadas proporcionam cenários desafiadores para os animais. Nestas situações é comum que as vacas apresentem determinados sintomas, como menor ingestão de alimentos, piora na conversão alimentar, alterações fisiológicas complexas, perda de bicarbonato e de potássio, óvulos malformados e embriões que não evoluem. “Temos o dever em orientar e planejar as melhores condições ambientais e formular dietas específicas. O ambiente precisa ter sombreamento, conforto das camas, banhos estratégicos com ventilação para as trocas de calor. A água mais o vento possuem sinergismo e roubam o calor. Temos de focar nas salas de espera das ordenhas e nas aspersões em linhas de cochos”, orienta Mario Viderman.

No âmbito nutricional, a Auster oferece soluções, como Prius Nat Dry, óleo vegetal hidrogenado perolizado, melhorador de consumo e aporte energético das dietas. Prius Nat Dry favorece o aumento da concentração energética da ração, o que é muito importante em algumas fases da vida do animal.

“Imitamos a natureza para proporcionar mais energia às dietas. Com isso, os animais alimentam-se melhor e obtém desempenho acima do normal, garantindo maior lucratividade para o produtor”, diz o especialista da Auster.

Outro destaque da empresa é a linha Númia Lactis, que ajuda a balancear corretamente minerais e vitaminas, com aditivos que auxiliam a melhoria da conversão alimentar e do controle do rúmen. “Vacas leiteiras são excepcionais transformadoras de alimentos, mas precisamos ajudá-las, oferecendo as melhores condições”, destaca Mario Viderman.

Fonte: Ass. de Imprensa
Continue Lendo
Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

onze − nove =

Empresas

Torneio Leiteiro na Megaleite é marcado por quebra de recordes de produção

Competição da raça Girolando contou com o patrocínio da UCBVET Saúde Animal, que forneceu a ocitocina utilizada pelos animais participantes

Publicado em

em

Pesagem do Torneio Leiteiro

O 30º Torneio Leiteiro Nacional de Girolando, um dos destaques da programação da Megaleite 2019, realizada de 19 a 22 de junho, em Belo Horizonte (MG), foi marcada pela quebra de recorde de produções.

A vaca Girolando 1837 Ametista Mountfield Tannus bateu o recorde da categoria e sagrou-se Grande Campeã da Megaleite 2019. De propriedade de Délcio Vieira Tannus, ela produziu um total de 291,170 kg/leite e média de 97,057 kg/leite, superando o recorde anterior de 90,180kg/leite, que vinha desde a Megaleite 2016. Além de ser Grande Campeã de Produção, ela foi a Grande Campeã de Composição do Leite.

Outro recorde foi na categoria Novilha CCG 1/2 Hol + 1/2 Gir. Salobo Penelope III FIV produziu um total de 267,460 kg/leite, com média de 89,153 kg/leite, batendo o recorde anterior da Megaleite (86,020 kg/leite-2018) e o recorde nacional (87,952 kg/leite-2016). De propriedade de Hebert Lever José do Couto, Salobo conquistou o título de Campeã Novilha Geral.

A novilha CCG 3/4 Hol+ 1/4 Gir, Naja Glenn Ann 0721 Sta Luzia, também foi recordista da sua categoria com uma produção total de 195,580 kg/leite e média de 65,193 kg/leite, superando o recorde anterior de 59,020 kg/leite. Naja pertence ao expositor Hebert Lever José do Couto.

Os animais participantes da competição utilizaram a Ocitocina Forte, da UCBVET Saúde Animal, patrocinadora oficial do Torneio Leiteiro. Produto consagrado no mercado, a Ocitocina Forte tem ação sobre a musculatura da glândula mamária e promove o aumento das contrações musculares dos alvéolos e canais galactóforos, favorecendo a descida do leite e auxiliando no tratamento e prevenção de mastite, por contribuir com maior fluxo e esgotamento total da glândula mamária e pela eliminação do leite residual.

Para o zootecnista José Wagner Junior, responsável pelo Torneio Leiteiro da raça Girolando, a competição permite identificar animais superiores na produção de leite, que poderão ser utilizados como futuras matrizes a fim de melhorar geneticamente o rebanho nacional da raça Girolando. Ele ressalta a importância do uso da Ocitocina para que as vacas exprimam o melhor da sua produção. “Temos animais produzindo aproximadamente 90 kg de leite em três ordenhas, ou seja, uma média de 30 kg por ordenha. O ordenhador tem somente 20 minutos para retirar todo esse leite. Então, a Ocitocina é importante porque auxilia na extração, fazendo com que o animal faça a ejeção total do leite de forma mais rápida”, destaca o zootecnista.

“A Ocitocina da UCBVET nos ajuda muito porque animais de alta produção têm uma ocitocina natural que age até a metade da ordenha, de forma que o resto fica comprometido. A aplicação da Ocitocina garante a extração completa do leite, o que aumenta a produção e evita riscos de mastite, inflamação das glândulas mamárias e outras perdas de produção”, garante o médico veterinário Rafael França Fonseca, responsável pela Fazenda Santa Luzia, que teve animais participando do Torneio Leiteiro de Girolando na Megaleite.

O médico veterinário Marcos Ferreira, Gerente de Produto da UCBVET Saúde Animal, destaca os benefícios da ocitocina para estimular a melhor ejeção de leite não só das vacas participantes do Torneio Leiteiro, mas também na atividade em geral. “Ordenhadores que estão no dia a dia da propriedade sabem da importância da ocitocina para promover a ejeção completa do leite, o que minimiza o risco de leite residual e previne casos futuros de mastite, além de contribuir para a produtividade. Se bem aplicada, com as boas práticas de aplicação, desinfecção de seringa ou uso de seringas descartáveis, a ocitocina é um produto que ajuda muito a manter a produção da fazenda e deixar o produtor com o bolso cheio”, afirma Ferreira.

A participação da UCBVET na Megaleite superou as expectativas e fortaleceu a parceria firmada recentemente com a Associação Brasileira dos Criadores de Girolando.

A UCBVET está entre as cinco empresas farmacêuticas veterinárias brasileiras com maior faturamento, segundo o Sindan (Sindicato Nacional da Indústria de Produtos para Saúde Animal), com atuação em diversos países da América Latina, América Central, África e Oriente Médio, além de todo o território nacional. Atualmente a empresa tem em seu portfólio 63 produtos em mais de 100 apresentações. Suas linhas compreendem medicamentos veterinários de ação terapêutica, antiparasitários e antimicrobianos. A companhia possui laboratórios e fábricas em Jaboticabal (SP), uma unidade de negócios em Ribeirão Preto (SP) e 339 colaboradores, além de representantes comerciais. Uma das mais tradicionais e inovadoras empresas do segmento no Brasil, a UCBVET fabrica medicamentos para animais de produção (bovinos, bubalinos, suínos, ovinos, caprinos, equinos e aves) e de companhia (cães e gatos) desde 1917, quando foi criada pelo empresário João Brunini.

Fonte: Ass. de Imprensa
Continue Lendo

Empresas Suinocultura

Vetanco marca presença no Simpósio ABRAVES MS

O 1° Simpósio ABRAVES – MS acontecerá no Auditório FAMASUL, em Campo Grande

Publicado em

em

Jonas Daniel Both - Foto: Divulgação

A Vetanco, por entender como fundamentais ações de educação continuada e por acreditar no trabalho da Associação de Médicos Veterinários Especialistas em Suínos do Mato Grosso do Sul,  patrocina a realização do 1° Simpósio ABRAVES – MS que acontecerá no Auditório FAMASUL, em Campo Grande. A ABRAVES MS, recentemente fundada, vem promovendo ações que colaboram e buscam o fortalecimento regional do setor através de capacitação e desenvolvimento técnico, ações totalmente correlacionadas ao propósito da Vetanco de levar conhecimento aos profissionais da suinocultura.

A criação de suínos no Mato Grosso do Sul, a cada ano, vem ocupando maior destaque no cenário nacional, crescimento sólido que tem como base produtores experientes e tradicionais. Há mais de 10 anos, a Vetanco tem a oportunidade de acompanhar e auxiliar este crescimento através do fornecimento de produtos voltados às necessidades do produtor.

O atendimento no Mato Grosso do Sul é realizado pelo representante Jonas Daniel Both (Sanivet), o qual reitera “A produção de suínos no MS é muito importante e tem suas particularidades. Trabalhamos com produtos naturais realmente efetivos, testados e aprovados nos mais importantes produtores da região. Nossos produtos têm se mostrado uma excelente alternativa ao uso prudente dos antimicrobianos nas diferentes fases da produção de suínos.” A Vetanco busca continuamente a atualização e desenvolvimento de novas tecnologias, acompanhando os desafios e o crescimento de cada produtor, para atendê-los com produtos seguros para alimentos seguros.

 

Fonte: Assessoria da Vetanco
Continue Lendo

Empresas Avicultura

Evonik participa de mais uma edição do Simpósio Goiano de Avicultura

Encontro reuniu avicultores e técnicos da área com o objetivo de promover interação entre universidades e setor da cadeia de proteína animal

Publicado em

em

Foto: Divulgação

A Evonik, uma das líderes mundiais em especialidades químicas, participou do XIV Simpósio Goiano de Avicultura, que foi realizado no início deste mês em Goiânia (GO), com sucesso de público. A empresa foi uma das patrocinadoras do evento e responsável por uma das apresentações do Simpósio que reuniu diversos temas relevantes para toda a cadeia avícola.

Durante a cerimônia de abertura, as autoridades presentes destacaram a importância do Estado de Goiás na produção avícola nacional e a parceria com a Universidade Federal de Goiás (UFG), que facilita a interação entre a Universidade e o setor produtivo.

A programação do evento contou com especialistas renomados e rico conteúdo envolvendo a produção de frangos de corte, ovos comerciais e matrizes. O diretor da Evonik Nutrition & Care GmbH, Dr Andreas Lemmes, apresentou a palestra “Nutrição e Meio Ambiente”, que destacou a redução do nitrogênio na dieta de frangos de corte e o impacto na saúde intestinal.

 

Saúde animal

A tradição e experiência da Evonik na área de nutrição animal levou a empresa a ampliar sua tradicional abordagem científica para a área de saúde animal por meio de uma nova linha de produtos destinados a esse segmento, incluindo o probiótico Ecobiol®. Os produtos são oferecidos junto com um amplo portfólio de serviços para a indústria de rações, com o objetivo agregar valor ao negócio de seus clientes.

 

 

Fonte: Assessoria da Evonik
Continue Lendo
AB VISTA Quadrado
Evonik – Aminored
Biochem site – lateral

NEWSLETTER

Assine nossa newsletter e recebas as principais notícias em seu email.