Nutrição - 03.09.2018

O papel da levedura Saccharomyces cerevisiae na saúde intestinal

Resultados demonstram que inclusão do extrato de levedura como fonte de nucleotídeos na dieta de creche tem efeitos positivos na saúde intestinal

- Arquivo/OP Rural

 -

Artigo escrito por Eliana Dantas, médica veterinária, PhD e gerente técnica Global de Monogástricos da Biorigin

Saccharomyces cerevisiae é uma espécie de levedura domesticada há pelo menos 3 mil anos e seu extensivo uso e considerável valor econômico decorrem do fato de que algumas cepas deste fungo unicelular são utilizadas em diversos processos industriais empregados na elaboração de produtos fermentados - como o etanol, e cepas de S. cerevisiae são empregadas na alimentação humana e animal.

Estudos direcionados à avaliação dos benefícios de sua aplicação na alimentação animal, inicialmente na forma de levedura inativa seca, datam da década de 70. Ao longo dos anos, até a atualidade, a levedura continua sendo estudada para aplicação tanto na sua forma íntegra como de seus subprodutos (parede e extrato), sob diferentes formas de processamento.

A parede da levedura é composta por glucana (48-60%), que é um polímero de unidades de glicose com ligações β(1-3) e β(1-6), manoproteínas (20-23%), quitina (0,6-2,7%), que é composta por β(1-4) N-acetilglicosamina e uma pequena porção de lipídios.

As β-glucanas pertencem a uma classe de substâncias conhecidas como modificadores da resposta biológica, pois alteram a resposta no hospedeiro pelo estímulo do sistema imune, ativando a resposta imune via sistema complemento, diretamente ou, com auxílio de anticorpos, e produzem fatores quimiotáticos que induzem a migração de leucócitos para o sítio da infecção. Esta habilidade em ativar mecanismos de defesa no hospedeiro, além de outros efeitos, como antitumoral, antinflamatório, antimutagênico, hipocolesterolêmico, hipoglicêmico, proteção contra infecções e melhorador da resposta vacinal vêm sendo extensivamente avaliados e comprovados.

Outro componente da membrana celular da levedura muito estudado e empregado na alimentação animal é o MOS (mananoligossacarídeo) que tem comprovada ação como promotor de crescimento natural, poder de aglutinar bactérias patogênicas como Escherichia coli e Salmonella spp., serve como substrato para bactérias intestinais benéficas estimulando seu crescimento e alterando assim a microbiota intestinal de forma benéfica ao animal, induz efeitos positivos na imunidade intestinal e melhora resultados zootécnicos como ganho de peso e conversão alimentar.

Ainda, a parede de S. cerevisiae atua como importante adsorvente de micotoxinas, como fonte de proteínas de alto valor biológico e sem fatores antinutricionais, fonte de minerais e de vitaminas do complexo B e como fonte de ácido glutâmico que melhora o sabor do alimento.

Após o processo de fermentação é possível fragmentar a parede celular para a obtenção do extrato da levedura, o qual tem grande concentração de ácidos nucléicos e proteína.

Estes ácidos nucléicos têm papel funcional em diversos processos metabólicas como a participação no metabolismo de energia (ATP), são precursores de ácidos nucleicos (DNA e RNA) e fazem parte de coenzimas como NAD, FAD e CoA, que estão envolvidas em várias vias metabólicas. Têm efeito importante no crescimento e no desenvolvimento de células de rápida renovação, tais como as do sistema imune e do trato gastrintestinal. Os nucleotídeos dietéticos têm se tornado essenciais para os animais em crescimento, nos momentos de estresse animal e em períodos de nutrição deficiente.

Considerando todos estes benefícios do uso da levedura S. cerevisiae na alimentação animal, diversas são as formas de aplicação de acordo com o desafio e fase da produção.

Pesquisadores avaliaram o efeito da suplementação da dieta de leitões com o extrato de levedura durante o período de creche (42 dias), comparando os resultados aos do grupo controle sem suplementação. Os leitões foram desafiados com Escherichia coli K88 e foram avaliados entre os dias 24 e 66 de vida. Os leitões tratados com o extrato de levedura apresentaram menor incidência de diarreia (P<0,05), maior ganho de peso (P<0,02) e maior concentração de ácidos de cadeia curta no ceco (P<0,02), quando comparados ao grupo controle. Estes resultados demonstram que inclusão do extrato de levedura como fonte de nucleotídeos na dieta de creche tem efeitos positivos na saúde intestinal, minimizando os efeitos deletérios na mucosa intestinal causados pela infecção pela E. coli e pela transição para a dieta sólida e favoreceu o ganho de peso pelo leitão.

Estudo

Com o objetivo de avaliar os efeitos benéficos da inclusão mananas de alta solubilidade na dieta de leitões desmamados e desafiados com Escherichia coli K88 sobre o desempenho animal e a saúde intestinal (dados não publicados), fez-se a inclusão de 0,1% do aditivo comercial na dieta dos leitões durante os primeiros 11 dias pós-desmame. Os resultados desta inclusão foram comparados aos dos animais desafiados e não suplementados com mananas.

Como resultado desta inclusão de mananas na dieta dos leitões houve maior ganho de peso total pelos leitões (P=0,002) e maior ganho de peso diário (P=0,02) e melhora na conversão alimentar (P=0,01). Estes resultados evidenciam o poder de aglutinação de bactérias pela levedura Saccharomyces cerevisiae e seu efeito positivo na saúde intestinal e no desempenho dos animais.

Por todos os motivos aqui apresentados, a levedura S. cerevisiae tem sido muito empregada na alimentação animal, sendo necessário ainda ressaltar a grande importância de seu emprego nos programas de redução no uso de antibióticos, considerando sua ação na imunidade sistêmica, na imunidade intestinal local, na saúde intestinal e demais benefícios, além das vantagens da levedura em relação aos antibióticos promotores de crescimento: não há período de carência, não há efeito residual e não há indução de mutação bacteriana.

Mais informações você encontra na edição de Suínos e Peixes de julho/agosto de 2018 ou online.

Fonte: O Presente Rural

SBSB 2018

NEWSLETTER

Assine nossa newsletter e recebas as principais notícias em seu email.

FACTA Dez 2018EurotierIntercorteACSURSSBSB 2018