Avicultura - 25.06.2018

Ceva Saúde Animal promove debate sobre doenças respiratórias no Paraná

Encontros têm como objetivo fomentar a discussão sobre os impactos das enfermidades do sistema respiratório e apresentar os diferenciais da Cevac IBras

- Foto: O Presente Rural

Na próxima semana, a Ceva Saúde Animal, líder brasileira em vacinas aviárias, promove dois encontros no Paraná para debater os impactos das doenças respiratórias na avicultura. Os eventos acontecem na terça-feira, 26 de junho no Trecsson Centro de Eventos em Maringá e na quinta-feira, 28, no Hotel Olinda em Toledo.

Entre os palestrantes estão o  Prof. José Mauricio França da Universidade Tuiuti e a Drª Masaio Mizuno pesquisadora e docente da Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia da Universidade de São Paulo. Os profissionais abordarão os prejuízos produtivos e econômicos associados as principais doenças respiratórias que afetam o plantel brasileiro, entre elas a Bronquite Infecciosa.

No encontro, a empresa também compartilhará com os participantes estudos recentes sobre os benefícios produtivos proporcionados pela Cevac IBras, primeira vacina viva contra a Bronquite Infecciosa variante brasileira BR. Desde o lançamento do produto, em 2017, mais de 670 milhões de doses foram comercializadas. A expectativa é que até o final do ano mais de um bilhão de frangos sejam imunizados com a vacina que proporciona ganhos zootécnicos e resultados positivos no abatedouro para frangos de corte, matrizes e poedeiras.

A Cevac IBras foi desenvolvida com exclusividade para o mercado brasileiro, visando a proteção das aves contra o desafio da cepa BR, grupo epidemiológico mais importante e prevalente do país.

O processo de desenvolvimento da Cevac IBras e a evolução da Bronquite Infecciosa no mundo serão abordados pelo Gerente de Serviços Veterinários da Unidade de Aves, Jorge Chacón. Já os resultados de campo da vacina serão apresentados pelo Gerente da Unidade de Aves, Tharley Carvalho. O profissional irá mostrar dados de um estudo realizado com mais de 60 milhões de aves de granjas clientes de diversos municípios brasileiros.

Entre os benefícios mensurados na análise estão os ganhos na conversão alimentar, queda nas despesas com antibióticos, diminuição da mortalidade tardia e durante o transporte e redução nas condenações parciais e totais no abatedouro, isso é possível, pois a Cevac IBras garante a imunização das aves durante todo o processo produtivo.

“Os ganhos zootécnicos somados aos resultados no abatedouro mostram que a Cevac IBras proporciona uma série de vantagens que vão muito além das mensuradas durante o desenvolvimento da vacina. Hoje podemos afirmar que o retorno para o produtor que imuniza as aves com esse produto é maior do que o investimento inicial, pois os ganhos produtivos são muito significativos”, conta Carvalho.

Durante os encontros, a equipe técnica da região Sul da Ceva Saúde Animal estará à disposição para tirar dúvidas dos participantes sobre os impactos da Bronquite Infecciosa no campo.

Fonte: Ass. de Imprensa

ACAV 2018

NEWSLETTER

Assine nossa newsletter e recebas as principais notícias em seu email.

ACAV 2018INTERCONFEurotierVIII ClanaSBSB 2018Intercorte