Aniversário - 07.11.2018

STIHL celebra 45 anos de atuação no Brasil com inauguração de prédio de Pesquisa e Desenvolvimento

Além deste, a empresa prepara o início das obras das novas instalações para produção de motores dentro de aporte de meio bilhão de reais para investimentos na fábrica de São Leopoldo (RS) alinhada aos conceitos da Indústria 4.0 e produção limp

- Foto: Assessoria

A STIHL, líder no mercado brasileiro de ferramentas motorizadas portáteis, completa 45 anos de atuação em território brasileiro neste ano e, em novembro, as principais lideranças da multinacional estarão no Brasil para a comemoração. Na fábrica em São Leopoldo (RS), no dia 5 de novembro, a comitiva do Grupo STIHL e autoridades e entidades locais acompanharam a inauguração do novo Centro de Pesquisa e Desenvolvimento, empreendimento que faz parte do pacote de investimento anunciado pela STIHL no valor de R$ 500 milhões, a serem investidos na planta brasileira até 2023.

“É preciso exaltar e agradecer as quatro décadas e meia de trabalho, da confiança das pessoas, entidades, governos e da comunidade que propiciaram o crescimento contínuo da empresa mesmo com todas as oscilações do mercado financeiro e político. Em 2018, alcançaremos uma receita total de 1,5 bilhão de reais, sendo metade desse valor proveniente das exportações para mais de 70 países, o que chancela o desempenho positivo da produção fabril da nossa sede, bem como o aumento constante no volume de vendas nos mercados nacional e internacional”, relata o presidente da STIHL Brasil, Cláudio Guenther.

Neste ano, o desempenho da organização foi reconhecido com dois importantes prêmios. A STIHL foi agraciada no Prêmio Exportação RS 2018 na categoria Diversificação de Mercados, destinada às companhias que se destacaram pelo número de países para os quais exportam seus produtos, além do prêmio Personalidade Competitividade entregue a Guenther neste ano. Da mesma forma, as estratégias comerciais da empresa para o mercado de jardinagem doméstica também foram reconhecidas no Top de Marketing ADVB 2018, onde o case “Jardim das Ideias STIHL” foi premiado nas categorias Indústria e Estratégias Digitais, além de receber o destaque Ouro – prêmio máximo entregue ao case com maior pontuação.

 

2018 marcado por investimentos

A STIHL anunciou neste ano um complemento ao pacote de investimentos, divulgado no final de 2017, que soma um montante de meio bilhão de reais para áreas como inovação, pesquisa e desenvolvimento, expansão das linhas de produção, automação industrial, tecnologia e novos prédios. O período previsto para execução do planejamento vai até 2023.

“No dia 5 de novembro, inauguramos o novo prédio de Pesquisa e Desenvolvimento, no valor de R$ 38,5 milhões. Esta expansão foi conquistada pela subsidiária brasileira mediante a confiança da matriz na nossa capacidade de testar e desenvolver produtos para todo o Grupo STIHL”, afirma Guenther. Até 2026, a estimativa do Grupo STIHL é lançar no mercado mundial mais de 50 novos produtos a combustão e mais de 190 a bateria.

Na sequência, o próximo empreendimento do pacote de investimentos a ser executado será o novo prédio de Produção de Motores. Esta nova construção tem como objetivo principal modernizar processos alinhados aos conceitos da Indústria 4.0 e produção limpa, em uma área total de 14 mil m². Com a ampliação, as novas instalações proporcionarão um aumento de 50% na capacidade de produção de máquinas. O novo prédio contará com o conceito do Building Information Modeling (BIM), que consiste em projetos 3D para a construção. O software facilita a integração do desenvolvimento do projeto e com a execução da obra dentro do cronograma planejado, representando de forma mais precisa e tecnológica o resultado final.

Fundada em 1926 na Alemanha, a STIHL chegou com seus produtos no Brasil por volta de 1960, inicialmente por meio de um distribuidor localizado no Rio de Janeiro. Em 1973, a empresa inaugurou a fábrica no país, na cidade de São Leopoldo (RS), quando contou com a presença da família Stihl e de autoridades locais e federais.

Desde 1973, foram produzidos mais de 11 milhões de ferramentas motorizadas e 80 milhões de cilindros – componentes de motores utilizados nos produtos a combustão da marca. “Hoje somos responsáveis pelo fornecimento de 85% da demanda de cilindros das fábricas do Grupo STIHL na Alemanha, China e Estados Unidos”, destaca o presidente da unidade brasileira.

 

Sustentabilidade

A importância do tema é difundida pela STIHL como algo amplo, que ultrapassa a esfera do cuidado ambiental para contemplar a integração deste com o desenvolvimento econômico e social em harmonia. A sustentabilidade ambiental de processos na fábrica consiste no uso racional dos recursos, como água e energia, e o tratamento de todos os resíduos gerados. Desde 2008, a STIHL Brasil é certificada com a ISO 14001 – além da OSHAS 18001 e da ISO 9001 para o Grupo da marca a nível mundial.

A atenção com as pessoas também é percebida no investimento para a formação e capacitação de seus colaboradores, da comunidade e da rede de distribuição. Em 2018, a meta é treinar 3,3 mil pessoas, entre vendedores, gestores e mecânicos dos pontos de venda, número que cresce 10% a cada ano.

 

Gestão de pessoas e apoio social

A STIHL trabalhou incessantemente durante seus 45 anos de Brasil para ser uma agente ativa do desenvolvimento de pessoas e da comunidade. Desta forma, dissemina e incentiva boas práticas que possam contribuir com o aumento da qualidade de vida dos colaboradores e do município de São Leopoldo que abriga a fábrica no País. O sucesso do trabalho da STIHL é reconhecido pelo instituto Great Place To Work, sendo eleita uma das cinco melhores empresas para se trabalhar no Rio Grande do Sul.

Neste sentido, fazendo parte da cultura corporativa da organização, a STIHL é reconhecida pela atuação sólida no que tange a inclusão de Pessoas com Deficiência (PcD) no mercado de trabalho. Além de empregar há bastante tempo um número maior do que o exigido pela legislação, desenvolve práticas para que a quantidade de colaboradores PcD’s continue a aumentar. Uma das destacadas práticas para este público é o Mural Inclusivo, premiado com o Top Ser Humano da ABRH-RS 2017, projeto no qual os materiais informativos expostos nos murais internos são traduzidos em vídeos em LIBRAS aos 55 colaboradores surdos. Além deste, os programas de Formação Complementar para Aprendizes, que tem como diferencial apresentar 1 ano a mais de formação do que os demais cursos do tipo, e de Estágio Desenvolver também foram reconhecidos pelo Prêmio Top Ser Humano, da ABRH-RS, em 2016 e 2018, respectivamente.

A Empresa também patrocina eventos de causa socioeducativa, que estimulam o desenvolvimento de crianças e jovens e previnem a evasão escolar, como o festival Sul em Dança, com a participação de mais de 5.300 jovens. “Movimentos que incentivam a criatividade e a interação entre as pessoas, resultando no desenvolvimento pessoal e social dispõem dos mesmos valores da STIHL, os quais prezamos e estabelecemos no nosso cotidiano. Por isso, é com enorme prazer que buscamos sempre apoiar e enaltecer ações desta natureza”, justifica o presidente.

Fonte: Ass. de Imprensa

Intercorte

NEWSLETTER

Assine nossa newsletter e recebas as principais notícias em seu email.

FACTA Dez 2018ACSURSIntercorte