SBSBL 2017 - 09.10.2017

Safeeds destaca tecnologia de enzimas para otimizar a nutrição na Milk Fair

O evento foi escolhido porque fica no coração de uma bacia leiteira em crescimento acelerado
Osmair Stuani, gerente de Desenvolvimento em Ruminantes

Osmair Stuani, gerente de Desenvolvimento em Ruminantes - Foto: Assessoria

A Safeeds aditivos para nutrição animal, sempre prestigiou os eventos do Núcleovet desde a primeira edição de aves e depois em suínos agora é também uma das mais importantes parceiras do Simpósio Brasil Sul de Bovinocultura de Leite que será realizado de 07 a 09 de novembro em Chapecó,SC.

O evento foi escolhido porque fica no coração de uma bacia leiteira em crescimento acelerado. Os números divulgados pelo IBGE confirmam a posição catarinense como quarto no ranking nacional. A grande bacia leiteira catarinense é a região Oeste, que responde por 76% de todo leite produzido – quase 2,4 bilhões de litros.

“A região é um polo tecnológico de bovinocultura leiteira e por isso a Safeeds, que já está presente no mercado, busca apresentar ainda mais a sua linha de novos produtos. Assim como é em aves e suínos, a Safeeds pretende para os próximos anos, ser a empresa líder em aditivos e tecnologias não antibióticos para ruminantes”, fala Osmair Stuani, gerente de Desenvolvimento em Ruminantes.

A equipe vai divulgar o uso de enzimas para melhorar o aproveitamento da nutrição e está participando pela primeira vez da MilK Fair, porque acredita estar pronta para o mercado de ruminantes. "Nos estruturamos durante os primeiros anos da empresa e agora a Safeeds ja conta com portfólio de produtos e equipe com profissionais capacitados, voltando se para as reais necessidades da pecuária”, complementa.

 

Evento paralelo

Durante o Simpósio Brasil Sul de Bovinocultura de Leite a Safeeds vai promover um evento paralelo com especialistas nos temas nutrição e uso de enzimas.  “Durante o evento a Safeeds estará com estande e vamos promover um evento técnico com palestra paralela que terá como tema: A importância do melhor aproveitamento da nutrição através do uso de enzimas. Vamos apresentar alternativas inteligentes para sustentabilidade da pecuária leiteira. Trazendo inovações em nutrição, que asseguram a melhoria da saúde animal e aumento da performance e aumento e da lucratividade no campo, visando a permanência do pecuarista na atividade”, finaliza Stuani.

Fonte: Ass. de Imprensa do SBSBL

Farmácia na Fazenda

NEWSLETTER

Assine nossa newsletter e recebas as principais notícias em seu email.

FACTA- SINDIAVIPARFarmácia na FazendaSindiavipar