Nutrição animal - 09.02.2018

Maior conservação dos grãos que compõem o alimento para o animal

Uma alimentação animal eficiente passa por uma boa qualidade dos alimentos

- Foto: O Presente Rural

Uma alimentação animal eficiente passa por uma boa qualidade dos alimentos. Nesse sentido, a BASF, empresa química líder em inovação, está realizando avaliações em parceria com o INTA (Instituto Nacional de Tecnologia Agropecuária da Argentina), que demonstram uma notável diminuição na quantidade de microrganismos indesejados graças ao tratamento dos grãos com alta umidade com a solução Lupro-Grain®, um ácido propiônico que apresenta um amplo efeito antimicrobiano contra fungos, leveduras e bactérias.

O resultado vem sido percebido quando o produto é utilizado nos grãos antes do armazenamento em silo-bolsa e sistemas abertos, controlando de forma eficiente sua multiplicação. O Lupro-Grain® pode ser utilizado para a conservação de matérias-primas como milho, trigo ou subprodutos úmidos da indústria; a preservação de forragens conservantes, como silagem e grão úmido; a manutenção da higiene alimentar, com a redução de patógenos como salmonelas e _Escherichia coli,_ e a acidificação de alimentos e subprodutos para melhorar a digestibilidade de nutrientes. Como ele atua como conservante natural, o animal o aproveita como fonte de energia e o metaboliza completamente.

Os estudos preliminares realizados entre o INTA e a BASF sobre grão de milho a 17-18% de umidade demonstraram uma conservação bem-sucedida do grão por um período maior que 6 meses de armazenamento. Com a utilização do produto, a quantidade de microrganismos indesejados diminui drasticamente, uma vez que o tratamento consegue controlar eficazmente a população de microrganismos.

 O produto já é vendido na Argentina e o objetivo é comercializar a solução também no Brasil.

 

Fonte: Ass. de Imprensa

FACTA 2018

NEWSLETTER

Assine nossa newsletter e recebas as principais notícias em seu email.

IntercorteFACTA 2018PORK EXPO 2018SINSUI 2018ACSURS